Para presidente do BNDES, Brasil tem tudo para entrar em ciclo de crescimento

******* ATENÇÃO ************ ATENÇÃO ************* ATENÇÃO *****
ATENÇÃO, SENHORES EDITORES: MATÉRIA COM EMBARGO. PUBLICAÇÃO LIBERADA A PARTIR DE DOMINGO, DIA 11 DE ABRIL DE 2021.
***************************************************************

O Brasil tem tudo para entrar em um ciclo de crescimento após a crise trazida pela pandemia devido a uma demanda reprimida, e, no atual ambiente em que a ESG (Governança ambiental, social e corporativa, na sigla em inglês) é um mantra para qualquer investidor, mil oportunidades se abrem para o País, afirmou o presidente do Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Gustavo Montezano.
“A gente tem um capital natural que nenhum outro país do mundo tem. Temos uma potência agrícola na grande maioria sustentável, uma democracia de mais de 200 milhões de pessoas e um mercado financeiro pujante. A gente tem todos os ingredientes para dar um salto nessa tecnologia verde financeira que nenhum outro país tem”, afirmou Montezano em evento promovido na quarta-feira, 7, pelo Bradesco BBI.
Ele ressaltou que a agenda verde no BNDES deixou de ser departamental para ser institucional, e o grande desafio hoje é a criação de produtos, inovações financeiras, onde o banco possa canalizar e disseminar esse capital verde.
“É uma baita oportunidade no Brasil e o BNDES pode ser um facilitador, queremos ser um hub facilitador desse processo, mas temos que nos mexer”, afirmou. “A gente está vendo um deslocamento de capital muito grande para essa agenda, com foco socioambiental, mas não temos produtos”, complementou.