‘Terra Nostra’ teve visita do presidente italiano às gravações

Terra Nostra estreou em 1999 e está disponível para assistir no Globoplay a partir desta segunda-feira, 9. O Estadão relembra a ocasião em que o então presidente da Itália, Carlo Azeglio Ciampi, visitou as gravações e falou com atores da novela das 8 da Globo.
Tendo sido eleito ao cargo em maio de 1999, Ciampi fez sua primeira visita oficial ao Brasil em maio de 2000. Antes de ir a Brasília para se encontrar com o então presidente Fernando Henrique Cardoso, visitou os estúdios da emissora, em Jacarepaguá, para acompanhar as gravações da trama, que retratava a vida de imigrantes italianos no Brasil no passado.
No dia 11 daquele mês, o presidente e sua comitiva visitaram os cenários que simulavam a São Paulo de antigamente e a colônia italiana. No local, foi servido um café típico de fazendas do interior paulista.
Antonio Calloni, descendente de italianos, foi um dos que recepcionou o político e sua esposa. Pediu desculpas por conta de seu sotaque e explicou: “Meu pai costuma falar comigo em italiano, mas respondo em português.”
“Faço essa novela com muito amor e paixão, porque conta a história da minha família. É uma grande honra recebê-lo, não apenas por ser o presidente, mas por se tratar de um italiano”, contava Calloni na ocasião.
Maria Fernanda Cândido ficou responsável por entregar a Ciampi um baú contendo DVD da minissérie A Invenção do Brasil (com dublagem em italiano), os CDs da trilha sonora de Terra Nostra e um vídeo com trechos e o roteiro da novela publicado em capa envelhecida.
“Não é todo dia em que você está no seu horário de trabalho e recebe um chefe de Estado”, comentava a atriz.
Thiago Lacerda também falou sobre a presença do presidente italiano nas gravações: “É emocionante saber que nosso trabalho atrai um chefe de Estado. É a prova de que um ano de suor, câmera e luz valeu a pena”.
Ana Paula Arósio, que dava vida à personagem Giuliana, uma das principais, não participou da cerimônia porque estava em gravação.
“Sem dúvida, o Brasil é o País que mais tem a ver com a Itália e onde o espírito italiano mais tem sido mantido”, afirmou Ciampi na ocasião. Ao longo dos seis dias de visita oficial, o presidente italiano também passou por São Paulo e Distrito Federal.
Carlo Azeglio Ciampi deixou o cargo em maio de 2006, renunciando três dias antes da conclusão oficial de seu mandato, para facilitar a transferência de poderes a Giorgio Napolitano. Ele morreu em 16 de setembro de 2016, aos 95 anos de idade.
Terra Nostra
A novela de Benedito Ruy Barbosa foi exibida na ‘virada do milênio’, entre 20 de setembro de 1999 e 2 de junho de 2000.
Após O Rei do Gado, o autor chegou a anunciar que não escreveria novas novelas. Marluce Dias, então superintendente da Globo, teve que fazer duas viagens à casa de Benedito, em Sorocaba, para convencê-lo a mudar de ideia. “Você imagina e a gente faz”, propôs.
As gravações tiveram início em 19 de junho de 1999. As primeiras cenas rodadas foram as do desembarque do navio, simulando o ano de 1896 e contando com a presença de mais de 300 figurantes, na cidade de Southampton, na Inglaterra. O custo foi estimado em R$ 1,2 milhões.
Com o sucesso, a Globo chegou a licenciar a marca Terra Nostra e vendeu diversos produtos como vinhos e molhos de tomate.
O elenco de Terra Nostra
Entre os atores que fizeram Terra Nostra, destacam-se nomes como Ana Paula Arósio (Giuliana), Thiago Lacerda (Matteo), Maria Fernanda Cândido (Paola), Raul Cortez (Francesco), Antonio Fagundes (Gumercindo) e Marcello Antony (Marco Antonio).
A novela também contou com Ângela Vieira (Janete), Antonio Calloni (Bartolo), Paloma Duarte (Angélica), Gabriel Braga Nunes (Augusto), Claudia Raia (Hortênsia), Gésio Amadeu (Damião) e Débora Duarte (Maria do Socorro).
Taís Araújo chegou a ser cogitada para o papel de Anastácia, mais conhecida como Naná, que acabou ficando com Adriana Lessa, à época, conhecida por ser a primeira VJ negra da MTV no Brasil.
Terra Nostra também marcou a estreia do ator Nicolas Prattes em uma novela, com apenas três anos de idade, em participação como filho dos personagens de Ana Paula Arósio e Thiago Lacerda no último capítulo. O humorista Chico Anysio também fez uma pequena participação na produção.