O Paraná é responsável por cerca de 15% da produção nacional de milho, mas poderia ser ainda melhor, não fossem doenças que começaram a ser observadas a partir da safra 2018/19, decorrentes do complexo de enfezamento, que tem como vetor a cigarrinha Dalbulus maidis. - Foto: Divulgação SEAB

Produtores de milho devem adotar cuidados para controle de doença nas lavouras

Doença transmitida por uma cigarrinha tem potencial de provocar perdas de até 100% na produtividade. Escolha de cultivar resistente e

Ler mais