Economia

Produção de petróleo cai em fevereiro e atinge 2,8 milhões de bpd, diz ANP

A produção de petróleo no Brasil foi de 2,8 milhões de barris por dia (bpd), em fevereiro, e a de gás, de 131 milhões de m³ por dia, segundo a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), que divulgou nesta quinta-feira o boletim mensal de produção. Foram extraídos, no total, 3,64 milhões de barris de óleo equivalente por dia (boe/d).

No mês, o cenário de produção de petróleo foi de retração – queda de 1,9% comparado ao mês anterior e de 5,1% ante igual mês de 2020. Já o gás natural caiu 3,9% frente a janeiro e subiu 1,7% em relação a fevereiro do ano passado.

No pré-sal, foram produzidos 2,04 milhões de bdp de petróleo e 87,7 milhões de m³/d de gás, totalizando 2,6 milhões de boe/d. Este resultado representa uma queda de 1,2% em relação ao mês anterior e um aumento de 4% comparado a fevereiro de 2020.

No mês, o aproveitamento de gás natural foi de 97,2%. Foram disponibilizados ao mercado 55 milhões de m³/dia. A queima de gás foi de 3,4 milhões de m³/d, um aumento de 19,8% se comparado ao mês anterior e uma redução de 4,6% ante fevereiro de 2020.

Em seu boletim, a ANP destacou o campo de Tupi, no pré-sal da Bacia de Santos, maior produtor nacional de petróleo e gás natural. Foram extraídos na área 901 mil b/d de petróleo e 41,9 mil m3/d de gás natural.

Para cima