Economia

Vendas de moradias na China dão salto anual de 95,5% no 1º tri, mas desaceleram

As vendas de moradias na China tiveram expansão anual de 95,5% no primeiro trimestre, segundo dados do Escritório Nacional de Estatísticas (NBS, na sigla em inglês) do país. Apesar de forte, o resultado mostra desaceleração ante o ganho anual de 143,5% observado no primeiro bimestre.

Os investimentos no desenvolvimento de projetos imobiliários apresentaram crescimento anual de 25,6% nos primeiros três meses de 2021, após subirem 38,3% no período de janeiro e fevereiro.

Já as construções iniciadas – considerando-se tanto residências quanto propriedades comerciais – aumentaram 28,2% no confronto anual do primeiro trimestre, também perdendo força em relação ao acréscimo de 64,3% verificado no primeiro bimestre.

Preço médio

O preço médio de novas moradias nas 70 maiores cidades da China subiu 4,36% na comparação anual de março, segundo dados divulgados pelo NBS. O avanço mostra aceleração frente ao aumento anual de 4,06% registrado em fevereiro. Em relação ao mês anterior, os preços de novas moradias chinesas registraram alta média de 0,41% em março. Em fevereiro, o ganho mensal havia sido de 0,36%. Fonte: Dow Jones Newswires.

Para cima