Economia

Vendas do varejo paulistano têm queda de 38,1% em março, diz ACSP

As vendas do varejo na capital paulista caíram 38,1% em março, na comparação com o mês anterior, segundo balanço da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), com dados da Boa Vista. Em relação a março de 2020, a queda foi de 23,7%.

Os resultados negativos se devem, principalmente, às restrições ao comércio não essencial desde 6 de março no Estado, para conter o avanço da covid-19.

O estudo não considera os serviços essenciais e as atividades do e-commerce, pouco afetadas pelas restrições.

“As medidas contra a pandemia, somadas à queda da renda do consumidor e à falta de perspectiva sobre a vacina, abalaram a confiança da população”, afirma em nota Marcel Solimeo, economista da ACSP.

Para cima