Esportes

Antes de GP em Ímola, Alfa Romeo renova com Raikkonen e Giovinazzi para 2021

A Alfa Romeo anunciou nesta sexta-feira que o finlandês Kimi Raikkonen e o italiano Antonio Giovinazzi vão permanecer na equipe na temporada 2021, apostando na manutenção para o próximo campeonato da Fórmula 1 ao renovar o contrato de ambos.

Raikkonen, de 41 anos, foi o campeão em 2007 e nesta temporada se tornou o piloto com mais largadas. O próximo campeonato será o seu 19º na categoria e a sua permanência já era prevista. Ele fez a sua estreia na categoria em 2001, tendo ficado fora da categoria em 2010 e 2011, quando disputou o Mundial de Rali. No total, soma 21 vitórias, 18 poles, 46 melhores voltas e 103 pódios.

“Esta é uma equipe que valoriza o trabalho árduo acima das palavras e isso se encaixa bem com o meu estilo: estou ansioso para o próximo ano e espero dar alguns passos

para a frente para o meio do pelotão com a equipe”, disse o piloto finlandês no comunicado divulgado pela Alfa Romeo.

Havia, no entanto, incerteza sobre a permanecia de Giovinazzi na equipe, com o nome do alemão Mick Schumacher sendo especulado para o seu posto. Agora, no entanto, o líder da Fórmula 2 e filho de Michael Schumacher deve entrar na mira da Haas.

Raikkonen e Giovinazzi foram companheiros de equipe nas últimas duas temporadas. O piloto italiano, de 26 anos, tem três pontos somados nas 12 primeiras provas do campeonato, um a mais do que o finlandês.

Na quinta-feira, a Alfa Romeo havia anunciado a renovação da sua parceria com a Sauber, mantendo o nome da equipe para a temporada 2021 da Fórmula 1.

A próxima corrida do campeonato está marcada para o fim de semana. O GP da Emilia Romagna, no circuito de Imola, está agendado para domingo, às 9h10 (horário de Brasília). O único treino livre da prova e a sessão de classificação ocorrerão no sábado.

Para cima