Esportes

De virada, Manchester United bate Fulham e retoma liderança do Inglês

Após passar as últimas 24 horas fora do topo do Campeonato Inglês, o Manchester United retomou a liderança da tabela em grande estilo nesta quarta-feira. Fora de casa, derrotou o Fulham por 2 a 1, de virada, desbancando o Leicester City e o Manchester City, que chegou a ocupar a primeira colocação por poucos minutos.

Na ponta novamente, o time comandado por Ole Gunnar Solskjaer soma agora 40 pontos, dois a mais que os rivais. E seis acima do Liverpool, que jogará nesta quinta e terá a chance de se reaproximar dos primeiros colocados. O atual campeão também figurou na ponta nas últimas semanas, numa alternância que não se via no Inglês nos últimos anos.

O líder do campeonato, contudo, precisou suar para somar os três pontos nesta quarta. O time de Manchester começou atrás no placar e sofreu o gol logo aos cinco minutos de jogo. Em grande lançamento de Zambo Anguissa, Ademola Lookman disparou, em posição regular, invadiu a área e bateu cruzado para as redes.

O gol surpreendeu os visitantes, que demoraram para “entrar” no jogo. O United só chegou ao ataque com perigo aos 20 minutos. E não perdoou. Bruno Fernandes, um dos destaques do time na temporada, acertou o pé da trave. Na sequência da jogada, ele mesmo cruzou na área para Cavani completar para as redes após rebote da defesa.

Com o empate, o Manchester cresceu em campo e até esboçou pressão nos instantes finais do primeiro tempo. O gol da virada, no entanto, só veio depois do intervalo. Aconteceu aos 19, quando Pogba recebeu livre perto da área, teve tempo para ajeitar com tranquilidade e encher o pé de longe, num belo gol.

A partir dos 30 minutos, o jogo se tornou mais franco, com ambos os times buscando o ataque em velocidade, tentando surpreender o adversário. O Manchester criou as melhores oportunidades, porém sem sucesso na tentativa de alterar o placar. Nos instantes finais, o Fulham tentou assustar e até impôs pressão e obrigou o favorito a se resguardar na defesa para evitar um tropeço.

Para cima