Esportes

Derrota por goleada complica a vida do Pato no Estadual

O Cascavel foi superior ao Pato durante todo o tempo do jogo - Foto: Marcilei Rossi/Diário do Sudoeste

O Cascavel Futsal segue invicto no Paranaense série Ouro em 2020. Assim como o Pato Futsal, anfitrião da noite da segunda-feira (19), o time do Oeste fechou a primeira fase da competição, ao fazer sua sétima partida.

Diferente entre as equipes, os resultados obtidos em quadra. Enquanto o Cascavel venceu todas as partidas disputadas e somou 18 pontos, o representante de Pato Branco, conseguiu apenas uma vitória, empatou quatro vezes e teve duas derrotas, totalizando 7 pontos.

O bom momento da serpente do Oeste no Estadual foi mais uma vez visto em quadra no Dolivar Lavarda na noite da segunda, quando o time aplicou uma goleada de seis gols no Pato Futsal.

Com o resultado e a constância nos resultados, o time comandado por Cassiano Klein passa a ser apontado como um dos favoritos para o título da competição.

Por sua vez, o time de Sérgio Lacerda, passa a acompanhar o resultado das outras equipes. Mas já é certo que ele passa por um quadrangular, que vai definir também as equipes que em 2021 jogam a série Prata.

Jogo

Muito aquém do time que encantou a torcida em outros momentos, o Pato não se achou em quadra diante do Cascavel e ainda no primeiro tempo, viu os visitantes abrirem o marcador com Alexandre Pintinho.

A volta para o segundo tempo, mostrou ainda mais as dificuldades do time de Pato Branco, e ao mesmo tempo em que se arriscava no ataque, o contragolpe dos cascavelenses se mostrava certeiro.

Com pouco mais de um minuto de bola rolando, o Cascavel fez o segundo com Jonny, que voltou a marcar depois que Humberto e o goleiro André Deco, marcaram o terceiro e o quarto gols. Ainda faltando 42 segundos para o final da partida, Carlão marcou o sexto gol dos visitantes. O placar só não foi maior, porque Neguinho tirou a bola em pelo menos dois lances, e o goleiro Ramon realizou defesas precisas.

Reclamações

Se no lance que resultou no gol de André Deco, o Pato teve um apagão e reclamou de bola no braço de um jogador do Cascavel, o que se viu ao término da partida no Dolivar Lavarda foi um elenco desgostoso com a equipe de arbitragem. Neguinho e Peru, foram os que mais questionaram a postura dos árbitros.

Para o supervisor Gerson Móvio, a arbitragem foi confusa. “O erro da arbitragem faz parte do esporte. O arbitro pode errar, como erramos gol, erramos um lance. O que não dá para aceitar é a educação dos árbitros”, afirmou Móvio, falando que como clube, será encaminhado relatório para a Federação Paranaense sobre as situações observadas.

Mesmo dependendo das outras equipes para seguir no Estadual este ano, o supervisor disse acreditar, na classificação do Pato para a segunda fase. A afirmação foi feita antes do término da partida Acel Chopinzinho e Marreco que acabou com a vitória do Chopizinho por 2 a 0.

Com o resultado em Chopinzinho a Acel, está classificada para os playoffs.

Copa do Brasil

Sem muito tempo para assimilar a goleada, o Pato ao fim da partida pegou estrada para Araçatuba, São Paulo, para a segunda partida da Copa do Brasil, contra o Real Madruga, na quarta-feira (21).

Para passar para a próxima fase desta competição, o Pato precisa apenas de um empate, uma vez que em Pato Branco venceu por 5 a 0.

LNF

Voltando de São Paulo, o Pato entra novamente em quadra no sábado (24), desta vez enfrentando o Umuarama, pela Liga Nacional de Futsal (LNF), às 13h15, no Dolivar Lavarda.

No final de semana, o bicampeão nacional empatou com o Jaraguá em Jaraguá do Sul (SC).

O time de Sérgio Lacerda é o segundo colocado no grupo C da competição, com 15 pontos, conquistados em nove jogos, resultado de quatro vitórias, três empates e duas derrotas.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima