Esportes

Pato Futsal perde para o Dois Vizinhos

O Pato Futsal pecou nas finalizações e perdeu para o Galo - Foto: Mauricio Moreira

Em sua estreia no Campeonato Paranaense da Série Ouro, o Pato Futsal perdeu para o Galo, por 3 a 1, na noite desta sexta-feira. O jogo foi disputado em Dois Vizinhos. Agora o time pato-branquense terá outro clássico, contra o Marreco, de Francisco Beltrão, que perdeu em casa para o Palmas, também por 3 a 1. O jogo será disputado dia 26, às 17h, no ginásio de esportes Dolivar Lavarda, em Pato Branco.

O Pato Futsal começou pressionando o Galo. Marquinhos fez boa jogada e tocou para Leo Roos finalizar, mas Ilbério defendeu. Em seguida, Diego Belém bateu para fora. O Galo chegou com Edimar, que chutou para fora. O Pato armou um contra-ataque e Mazetto finalizou para a defesa de Ilbério. O Galo deu o troco com Tuiu, que tentou de calcanhar e Gian Wolverine defendeu. Após cobrança de escanteio, Anderson Negão bateu de primeira e fez 1 a 0 para o Galo.  O time pato-branquense partiu para cima e Xande chutou para a defesa de Ilbério. O Galo quase ampliou a vantagem com Anderson Negão, que obrigou Gian Wolverine a pratricar uma excelente defesa. O Pato teve uma chance em bola lançada na área, mas Marquinhos chegou atrasado. Depois André bateu para fora. No contra-ataque, Felipinho finalizou e Nenen Ribeiro salvou o Galo. O time pato-branquense seguiu pressionando, mas a bola insistiu em não entrar nas finalizações de Diego Belém e Leo Roos.

No segundo tempo, o Pato partiu para cima do adversário. Em cobrança de falta, Diego Belém tocou para Felipinho, que bateu para fora. No contra-ataque, Mazetto passou para João Lucas, que perdeu o gol. De tanto insistir, o Pato chegou ao empate. Felipinho fez jogada individual e passou para Xande tocar a bola para as redes, 1 a 1. O Galo foi para o ataque e Luciano finalizou para fora. Em seguida, Mateus obrigou Gian Wolverine a praticar uma excelente defesa. O Pato chegou em jogada individual de Felipinho, que finalizou e a bola bateu em Leo Roos. O Galo teve uma excelente oportunidade com Anderson Negão, que finalizou e a bola bateu no travessão. O Pato foi para o ataque, Felipinho finalizou e a bola bateu nas mãos de Anderson Negão, mas a arbitragem não anotou a infração, sendo que o Dois Vizinhos já tinha estourado o número de faltas. O Galo chegou ao segundo gol em chute de Paulo Felipe.  O Pato foi em busca do prejuízo nos últimos minutos, mas foi o Galo quem voltou a marcar, com Luciano, 3 a 1.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima