Esportes

Reino Unido permitirá que esportes de elite continuem mesmo com novo lockdown

Com a Europa vivendo a chamada “segunda onda” na pandemia do novo coronavírus, o mundo do esporte no Velho Continente aparentemente não será afetado, pelo menos no Reino Unido. Segundo o governo, serão permitidas as atividades esportivas com os portões fechados, dentre elas, o Campeonato Inglês.

De acordo com o protocolo, os esportes de elite se enquadram na mesma categoria que filmes e produções de TV. Ou seja, trabalhos que não podem ser feitos de casa durante o novo “lockdown” na Europa. Então, o futebol irá continuar na Inglaterra.

Boris Johnson, primeiro-ministro do Reino Unido, foi quem confirmou que as novas medidas de segurança serão adotadas. Porém, segundo ele, o Campeonato Inglês continua normalmente. “Sim para a Premier League”, declarou o político. A extensão da licença para exercer as atividades até dezembro deve ajudar os clubes das ligas inferiores e se sustentarem.

Neste sábado, Boris Johnson decretou um novo lockdown no país para conter o novo coronavírus. O país ultrapassou a marca de 1 milhão de casos desde o início da pandemia, com quase 22 mil novas infecções registradas nas últimas 24 horas, segundo dados oficiais divulgados neste sábado.

Até agora, o país contabiliza 1.011.660 casos confirmados e 46.555 mortes por covid-19 – definidas, neste caso, como aquelas de pacientes que morrem dentro de 28 dias após um teste positivo. Trata-se do quinto maior número acumulado de mortes por covid-19 no mundo, de acordo com dados compilados pela Universidade Johns Hopkins.

Neste contexto, Johnson, que vinha resistindo a impor novas restrições, foi alertado por cientistas do governo sobre a necessidade de alguma ação para conter a propagação do vírus e, segundo a imprensa local, deve anunciar um segundo confinamento que deve durar até dezembro.

Para cima