Geral

2º Sarau da Prenda Jovem Especial será em agosto

Integrantes da Apae de Pato Branco, do CTG Carreteando a Saudade e do Rotary Club Alvorecer lançaram, na noite da última quarta-feira (19), o 2º Sarau da Prenda Jovem Especial. O evento será realizado no dia 25 de agosto – dentro da Semana Nacional da Pessoa com deficiência-, no CTG Carreteando a Saudade, às 20h30, com jantar e baile, que será animado pelo grupo musical Os 4 Gaudérios.

Participaram da solenidade de lançamento a presidente da Apae, Zenilda Spricigo; a diretora da Escola Carlos Almeida, Lides Maria Baldissera; o coordenador de projetos do Rotary Club Alvorecer, Delci de Col; o patrão do CTG carreteando a Saudade, Adão Santos da Silva;  a vice-patroa do CTG, Rosangela Cadorin, entre outros apoiadores do evento. Os organizadores querem que o 2º Sarau da Prenda Jovem Especial tenha um sucesso ainda maior do que ocorreu na primeira edição.
Lides afirmou que o principal objetivo do evento é a inserção da pessoa com deficiência na sociedade, com as meninas que frequentam a Apae tendo a oportunidade de colocar o vestido de prenda e dançar uma valsa. A Apae está bastante empenhada em promover o evento para dar oportunidade para essas 10 meninas, que serão apresentadas à sociedade. A primeira experiência que tivemos em 2015 foi muito positiva, destacou.  Delci de Col disse que o Rotary Club Alvorecer está apoiando o evento desde a primeira edição devido à importância da inserção dessas jovens especiais na comunidade, aproveitando uma cultura que existe dentro do CTG. Estamos participando desde o início na organização do projeto, venda das mesas a R$ 350,00, acompanhamento dessas jovens nos ensaios. Elas ficam praticamente o ano inteiro ensaiando as danças, afirmou.
Rosangela Cadorin, vice-patroa do CTG Carreteando a Saudade, destacou que na primeira edição do evento tiveram uma participação maciça da sociedade e dos próprios integrantes do CTG. A gente percebe na fisionomia das pessoas que lá estiveram a motivação de dar continuidade no evento pela felicidade das prendas. Isso motivou bastante a patronagem e todos os integrantes do CTG, completou.

Clique para comentar
Para cima