Após 3 gols em dois jogos, Calleri minimiza briga por titularidade no São Paulo

O argentino Calleri vive um começo fulminante nesta chegada ao São Paulo. O atacante fez apenas duas partidas e já anotou três gols – os dois últimos neste sábado, na vitória por 4 a 0 sobre o Água Santa, pelo Campeonato Paulista. O desempenho, porém, não faz o reforço se sentir com vaga garantida na equipe para as próximas partidas, como no confronto pela Copa Libertadores na próxima quarta-feira.

“Vim para o clube brigar por uma vaga com muita gana. Espero me adaptar o mais rápido possível. Estou tentando fazer o melhor que posso, jogar o melhor possível. Se tiver de jogar, vou jogar”, disse o jogador, de 22 anos, ao fim da partida no estádio do Pacaembu, na capital.

Calleri já teve o nome gritado pela torcida depois de fazer os dois primeiros gols na vitória de sábado, além de ter marcado no empate na última quarta-feira contra o Cesar Vallejo, no Peru, no jogo de ida pela primeira fase da Libertadores, com um toque de cobertura.

A contratação dele foi uma indicação do técnico argentino Edgardo Bauza. A predileção pelo futebol do ex-atacante do Boca Juniors ainda não fez o treinador garantir que o jogador será titular na sequência da temporada e nem o próprio Calleri diz se sentir com vaga garantida.

“Um atleta tem que ajudar a equipe como pode. Vim para ganhar. Eu nunca tinha feito tantos gols de cabeça assim, fiz no máximo uns três quando estava no Boca Juniors”, disse o argentino, surpreso pelas cabeçadas certeiras contra o Água Santa.

Calleri chegou ao Brasil há três semanas e terá uma permanência curta no São Paulo. Comprado por um grupo de empresários e registrado em um time uruguaio, o atacante tem vínculo somente até 30 de junho. Depois disso, irá para a Internazionale. Caso o clube do Morumbi chegue às fases decisivas da Libertadores, o jogador terá o contrato prorrogado até o fim da participação da equipe.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima