Após pedir R$ 34 mi, Leonardo entra em acordo com federação francesa

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A Federação Francesa de Futebol (FFF) e o ex-jogador Leonardo chegaram a um acordo sobre a indenização do brasileiro, que pedia 8,5 milhões de euros (R$ 34 milhões) por “danos profissionais e morais”.

A FFF disse que tornará público os termos do acordo em uma entrevista coletiva nesta quarta (16).

Em julho de 2013, Leonardo foi suspenso por 12 meses por ter empurrado o árbitro da partida entre PSG e Valenciennes, quando era diretor esportivo do clube, em maio do mesmo ano.

O ex-dirigente e seus advogados levaram o caso ao Tribunal Administrativo de Paris, que o absolveu da acusação de agressão ao árbitro em outubro de 2013.

Em janeiro de 2015, o jornal “Le Parisien” revelou que Leonardo enviou uma carta à federação exigindo o valor por danos morais.

Pouco depois da suspensão, Leonardo pediu demissão do cargo do PSG.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima