Bombardeios sírios, em Damasco, matam ao menos 28 pessoas

Pelo menos 28 pessoas morreram neste domingo (13), entre elas uma menina e uma mulher, e dezenas ficaram feridas em bombardeios do regime sírio contra a cidade de Duma, um dos redutos da oposição armada nos arredores de Damasco.
Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, 11 projéteis, provavelmente de tipo terra-terra, foram lançados pelas forças do regime contra Duma, situada na região de Ghouta Oriental.
Entre os feridos há casos graves, por isso o número de vítimas mortais pode aumentar, acrescentou a fonte.
Além deste ataque com projéteis, a aviação bombardeou zonas de Duma e da cidade de Saqba, também em Ghouta Oriental.
O distrito de Ghouta Oriental é o principal reduto opositor da periferia da capital síria e alvo habitual dos bombardeios das forças governamentais.
Neste sábado (12), pelo menos 13 pessoas morreram em vários bombardeios contra esta região, principalmente nas povoações de Hamuriya e Arbin.
Atualmente, tanto a aviação governamental síria como a russa realizam ataques nos arredores de Damasco.
A Síria é, desde março de 2011, palco de um conflito que se cobrou as vidas de mais de 250 mil pessoas, de acordo com a apuração do Observatório.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima