Ceni faz treino mais forte e dá esperanças para jogo de domingo

ADRIANO MANEO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A lesão no ligamento do tornozelo direito ainda incomoda Rogério Ceni. Porém, no treino desta quarta-feira (2), o goleiro mostrou evolução física e deu sinais de que pode jogar a última partida do São Paulo nesta temporada, antes de encerrar a carreira.

Na semana passada, Ceni tentou treinar com bola na quarta (25) e na quinta-feira (26), mas as dores limitaram muito os seus movimentos.

Nesta quarta, ele treinou por 40 minutos e fez ao menos seis exercícios diferentes, com maior nível de exigência física do que na semana anterior.

Apesar da evolução na mobilidade, as defesas para o lado direito ainda eram visivelmente incômodas para o goleiro, especialmente na hora de se levantar.

“Esse lado é fogo”, reclamou Ceni ao terminar uma das sequências de exercícios em que tinha que fazer defesas para o lado direito.

Ao final, o jogador ainda arriscou bater algumas faltas. O pé não estava muito calibrado, mas o movimento não parecia ser muito um problema para o goleiro.

Ceni não joga desde 28 de outubro, quando se lesionou na semifinal da Copa do Brasil, contra o Santos, na Vila Belmiro.

Na ocasião, o São Paulo foi derrotado por 3 a 1 e acabou eliminado da competição. Desde então, o goleiro de 42 anos perdeu cinco partidas.

G4

Neste domingo (6), o São Paulo pode confirmar a classificação para a Libertadores caso vença o Goiás, no Serra Dourada, às 17h.

A equipe está na quarta colocação, dois pontos à frente do quinto lugar, Inter, e um empate praticamente garante a vaga na competição continental.

Neste cenário, o Inter precisaria vencer por sete gols de diferença a sua partida contra o Cruzeiro, no Beira-Rio, em Porto Alegre.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima