Com gol anulado, Fluminense perde para Chapecoense e deixa o G-4

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Jogando fora de casa, o Fluminense perdeu para a Chapecoense por 2 a 1, na manhã deste domingo (26), na Arena Condá. A partida ainda teve um gol anulado para os cariocas, que deixaram o G-4 do Brasileiro e caíram da terceira para a quinta colocação.
O placar foi aberto pela Chapecoense, aos 26 min. O atacante Bruno Rangel recebeu de Elicarlos de dentro da área, e não demorou a ajeitar a bola e balançar as redes do goleiro Diego Cavalieri.
Apenas dois minutos depois ficou tudo igual na Arena Condá. Edson pegou de primeira uma sobra na entrada da área e marcou um golaço para o Fluminense.
A equipe de Enderson Moreira até teve a chance de abrir vantagem nos minutos finais, mas o gol de cabeça de Marcos Júnior foi anulado pelo árbitro Raphael Claus.
Não ficou claro se o motivo foi o impedimento de Fred ou o toque de mão de Marcos Júnior, logo depois do lance de cabeça. A decisão irritou os jogadores da equipe carioca.
Na volta do intervalo, Fred sentiu incômodo na perna esquerda e deixou o campo.
Foi somente no fim da segunda etapa que houve a virada. Aos 42 min, Antônio Carlos derrubou Bruno Rangel dentro da área, e o juiz marcou o pênalti.
Foi o próprio Bruno Rangel que fez a cobrança, e marcou no meio do gol.
Com o resultado, o Fluminense soma 27 pontos e cai para a quinta colocação do Brasileiro. A equipe ainda pode ser superada pelo Palmeiras e pelo São Paulo, que jogam neste domingo.
Na próxima rodada, os cariocas encontram o Grêmio no Maracanã, no sábado (1º).
Já a Chapecoense segue no meio da tabela, com 22 pontos. No domingo (2), os catarinenses jogam contra o Internacional, no Beira-Rio.

CHAPECOENSE
Danilo; Apodi, Vilson, Neto e Dener; Elicarlos, Bruno Silva, Cleber Santana (Hyoran), Tiago Luís (Maranhão) e Ananias (Wagner); Bruno Rangel
T.: Vinicius Eutrópio
FLUMINENSE
Diego Cavalieri, Wellington Silva (Renato), Gum, Antônio Carlos e Breno Lopes; Edson, Jean, Gustavo Scarpa, Marcos Junior, Osvaldo (Lucas Gomes) e Fred (Magno Alves)
T.: Enderson Moreira
Estádio: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Árbitro: Raphael Claus
Auxiliares: Danilo Ricardo Simon Manis e Daniel Paulo Ziolli
Cartões amarelos: Cleber Santana (C); Jean, Antônio Carlos e Edson (F)
Cartão vermelho: Lucas Gomes (F)

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima