Com nove senadores, CPI da CBF já pode iniciar trabalho

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) – Líderes dos partidos no Senado indicaram nesta terça-feira (7) os nomes dos parlamentares que farão parte da CPI da CBF (Confederação Brasileira de Futebol). A partir da indicação já é possível instalar a comissão.
São nove titulares: Romário (PSB-RJ), Fernando Collor (PTB-AL), Humberto Costa (PT-PE), Zezé Perrella (PDT-MG), Eunício Oliveira (PMDB-CE), Romero Jucá (PMDB-RR), Omar Aziz (PSD-AM), Álvaro Dias (PSDB-PR) e Davi Alcolumbre (DEM-AP).
A comissão vai investigar as contas da CBF. Autor da proposta de CPI, Romário já afirmou que pretende investigar também as federações estaduais.
A proposta da criação da CPI surgiu depois que sete dirigentes ligados à Fifa, incluindo o ex-presidente da CBF, José Maria Marin, foram presos na Suíça em maio, acusados de pagamento e recebimento de propinas em contratos de exploração comercial de competições esportivas.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima