Com recorde brasileiro, Joanna Maranhão ganha 2º bronze

ITALO NOGUEIRA E PAULO ROBERTO CONDE, ENVIADO ESPECIAL
TORONTO, CANADÁ (FOLHAPRESS) – Ao sair da piscina da prova de 400 metros medley nos Jogos Pan Americanos, Joanna Maranhão estava em quarto lugar, a quatro décimos da canadense Sydney Pickrem. Mas já saiu satisfeita. Ela conseguiu quebrar o recorde brasileiro dela mesma, que durava 11 anos.
O novo prêmio veio segundos depois, com o anúncio da desqualificação da antes medalhista de ouro, a canadense Emily Overholt. Com a mudança, seu recorde lhe valeu o bronze.
“Esperei muito por esse dia. Se não quebrasse esse recorde, seria um fardo pelo resto da vida. Poderia ficar em oitavo lugar que ainda assim ficaria feliz. Tive uma batalha psicológica com essa marca. Achei que nunca ia batê-la. Cheguei a dizer a mim mesma que nunca mais nadaria essa prova”, disse ela logo após a competição.
Ela completou os 400 metros em 4min38s07, superando os 4min40s que ela conseguiu na Olimpíada de Atenas-04.
Joanna já havia conquistado o bronze nos 200 metros borboleta.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima