Cruzeiro desiste de participar da Primeira Liga

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O Cruzeiro anunciou nesta quinta (10) que não vai mais participar da liga Rio-Sul-Minas, também chamada de a Primeira Liga.

“O Cruzeiro já firmou posição e não fará mais parte da liga. Não disputará. Surgiram questões com as quais não concordei, assim como Flamengo e Fluminense. Existe uma grande possibilidade de eles também saírem. Temos um momento muito conturbado no futebol brasileiro. Haverá uma eleição para eleger um vice da CBF”, disse o presidente cruzeirense Gilvan Tavares, na coletiva em que apresentou Deivid como o treinador da equipe para 2016.

A saída do Cruzeiro deve abalar a realização do torneio, que já tem até tabela e começaria no fim de janeiro de 2016. Sobram 11 equipes para participar do primeiro torneio da liga: Atlético-MG, América-MG, Grêmio, Inter, Flamengo, Fluminense, Atlético-PR, Coritiba, Avaí, Chapecoense e Figueirense.

A diretoria da Primeira Liga negociava com emissoras de TV a venda dos direitos de transmissão, e com empresas para veicular anúncios em placas de publicidade.

Gilvan Tavares foi eleito o primeiro presidente da Primeira Liga, mas em 26 de novembro, uma reunião dos membros decidiu que a entidade teria um co-presidente, Mário Celso Petraglia, do Atlético-PR. O CEO da liga é Alexandre Kalil, ex-presidente do Atlético-MG.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima