Dupla brasileira garante o bronze no Mundial de vôlei de praia

A dupla de brasileiras Juliana e Maria Elisa garantiu o bronze no Mundial de vôlei de praia da Holanda. O duelo equilibrado contra as alemãs Holtwick e Semmler, neste sábado (4), terminou em 2 sets a 1, com parciais de 23/25, 21/18 e 15/9. Já no primeiro set, as brasileiras sentiram que não seria fácil passar pelas alemãs.

O resultado de 25/23 comprovou a disputa acirrada por pontos. Nessa etapa, a sorte ainda estava ao lado de Holtwick e Semmler. No segundo set, uma viradinha brasileira.

Com dificuldade, Juliana e Maria Elisa mantiveram a esperança pela medalha em uma etapa mais curta, garantindo 21/18 contra as adversárias. E para fechar a partida, a vantagem brasileira. Em um set com menos dificuldade, Juliana e Maria Elisa cravaram 15/9, tendo garantido a vantagem durante grande parte do tie-break.

As atuais campeãs do Circuito Mundial de vôlei deram início à parceria em 2014, ano em que ganharam um ouro, quatro medalhas de prata e uma de bronze. No Mundial de 2015, antes de marcarem presença no pódio, a dupla sofreu duas derrotas.

A última foi nas semifinais, para as também brasileiras Barbara e Agatha. A dupla disputa a final contra as compatriotas Taiana e Fernanda Alves ainda neste sábado. O

MUNDIAL

Disputado em quatro cidades (Amsterdã, Apeldoorn, Haia e Roterdã), o Campeonato Mundial tem o Brasil como maior vencedor com cinco títulos entre os homens e quatro entre as mulheres. Os Estados Unidos aparecem em segundo lugar, com cinco ouros. Ao todo, o Brasil esteve representado por oito duplas.

No masculino, serão Alison e Bruno Schmidt, Álvaro Filho e Vitor Felipe, Evandro e Pedro Solberg além de Ricardo e Emanuel. No feminino, entram em quadra as parcerias Ágatha e Bárbara Seixas, Fernanda Berti e Taiana, Juliana e Maria Elisa, Larissa e Talita. Os países dos atletas campeões estarão automaticamente classificados para a Olimpíada do Rio, em 2016. A vaga é da federação, e não do time campeão.

SISTEMA DE DISPUTA

São 48 duplas femininas e 48 masculinas divididas em 12 grupos com quatro times cada. Os dois melhores de cada chave avançam diretamente para a próxima fase, assim como os oito melhores terceiros colocados. A partir desta etapa, as partidas passam a ser no formato de eliminação simples, com as oitavas, quartas, semifinal e a decisão.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima