Inter vence o Tigres pela Libertadores

A equipe do Internacional venceu o Tigres por 2 a 1 na noite desta quarta-feira, no Beira-Rio, com gols de D’Alessandro e Valdívia, e largou em vantagem na semifinal da Libertadores da América. Agora, o time colorado joga por qualquer empate para ficar com a vaga na grande final. O jogo de volta ocorre na próxima quarta (22), às 22h (horário de Brasília), em Monterrey, no México.Com a torcida empurrando o time, o Internacional impôs forte pressão sobre os mexicanos desde os primeiros movimentos da partida. E o começo não poderia ser melhor. Aos quatro minutos, Nilmar interceptou a saída de bola do Tigres e serviu para D’Alessandro, livre de marcação, disparar uma bomba da entrada da área que acertou o cantinho de Guzmán, 1 a 0.

Mas o que era bom ficou ainda melhor. Aos nove minutos, Valdívia pegou a sobra na quina da grande área e emendou de pé direito, a bola desviou no zagueiro e encobriu o goleiro mexicano, 2 a 0.Porém, em um lance isolado, o Tigres descontou aos 23 minutos, em cabeceio de Ayala. O gol deu confiança ao adversário, que começou a oferecer perigo. Aos 31 minutos, Sobis invadiu a área e ficou cara a cara com Alisson, que fez defesa providencial. Aos 36 minutos, Gignac fez grande jogada e, de dentro da área, soltou uma bomba. A estrela do goleiro colorado brilhou novamente e evitou o empate com outra defesa sensacional.Sem modificações no time, o Internacional voltou para o segundo tempo disposto a pressionar, mas encontrou dificuldades na finalização em virtude da retranca dos mexicanos.

Aos nove minutos, Valdívia colocou a bola próxima à trave direita em cobrança de falta. Aos 11 minutos, Ayala fez falta dura sobre Geferson, recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Aos 28 minutos, Lisandro López cabeceou e Guzmán defendeu. Pouco depois, Lisandro emendou uma bomba de longe e o goleiro fez uma defesa espetacular, espalmando para escanteio. O Colorado tentou o terceiro na base do abafa nos minutos finais, mas não conseguiu furar a retranca do Tigres.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima