Marcelo Oliveira cogita Barrios no clássico

Apresentado oficialmente na última quinta-feira (16) e já registrado no BID, o atacante Lucas Barrios está bem perto de fazer a sua estreia com a camisa do Palmeiras, pelo menos foi o que indicou o técnico Marcelo Oliveira na entrevista coletiva desta sexta (17), na Academia de Futebol. O comandante, porém, admitiu que não pretende utilizar o paraguaio como titular da equipe, caso ele seja relacionado para o clássico contra o Santos, neste domingo (19), às 16h, no Allianz Parque.

Divulgação

Marcelo Oliveira pode promover a estreia de Barrios contra o Santos

Chegamos de Curitiba e só tive um contato com o Lucas. Aguardaremos o sentimento dele de ir para o jogo e o estágio físico, pois ficou um tempo parado. É possível, mas esperaremos até sábado para resolver, falou. O olhar do técnico tem de ser mais amplo, tem de ter coerência com a utilização ou não dos atletas. O Leandro (Pereira) está jogando muito bem. Se o Barrios for para o jogo, provavelmente irá como opção para o banco, eu o utilizaria durante o jogo, explicou.

Mesmo diante da grande expectativa da torcida com a estreia do novo reforço, o treinador ressalta a importância dos outros atletas da posição. Temos de valorizar o grupo todo, todos são muito importantes. De uma forma natural, ele procurará o espaço dele, é um jogador importante de experiência internacional e que faz muitos gols. Neste momento, nós temos um atacante que está jogando bem, é questão de coerência. É importante também que ele conheça os jogadores dentro e fora de campo, e isso acontecerá através de treinamentos e jogos, completou.

Santos

A diretoria do Santos amenizou a crise financeira nesta sexta-feira ao pagar um mês de salário atrasado, referente a CLT (Consolidações das Leis de Trabalho). A cúpula alvinegra também pagou a premiação do Campeonato Paulista, além do salário dos funcionários, que não recebiam desde o quinto dia útil deste mês. No entanto, o presidente Modesto Roma ainda deixou para trás a maior parte do ordenado dos atletas – dois meses de direitos de imagem e um mês de CLT. O pagamento abafa a crise no clube antes do clássico contra o Palmeiras, neste domingo.

O atacante Ricardo Oliveira, responsável do elenco para negociar com a diretoria santista, chegou a dizer que os salários atrasados passaram do prazo, mas que não influenciava na campanha da equipe santista no Brasileiro. Concordo com o Ricardo Oliveira. A diretoria está trabalhando com muita intensidade para que resolva de uma vez por todas essa situação. Os jogadores têm de estar tranquilos, disse o técnico Dorival Júnior.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima