Marcos Guilherme é dúvida no Furacão contra a Chapecoense

Afastado dos treinos da equipe principal do Atlético Paranaense, o meio-campo Marcos Guilherme deve seguir a semana em tratamento no CAT Alfredo Gottardi. No último domingo (12), o jogador sofreu uma luxação entre o ombro e a clavícula, após entrada violenta do volante Edson, do Fluminense. Ele é dúvida para o jogo do próximo domingo, às 11h, na Arena da Baixada, contra a Chapecoense.

No lance, aos 22 minutos de partida, o adversário acertou a perna do meia atleticano, provocando lesão de mais de 15 centímetros entre joelho e tornozelo, deixando marcas na região do membro inferior provocadas pelas travas da chuteira de Edson. Com a violência do lance, o atleta rubro-negro sofreu queda com trauma no seu ombro. Ele foi atendido no Hospital Nossa Senhora das Graças pelo médico Leonardo Dau, ortopedista especialista em ombro. Apresentava muita dor, limitação dos movimentos e edema local.

A ressonância magnética da articulação revelou: edema ósseo, derrame articular, estiramento e ruptura parcial dos ligamentos entre a clavícula e o osso acrômio, caracterizando luxação de ombro grau 1. Segundo Leonardo Dau, o tratamento é conservador com analgésicos, anti-inflamatórios e fisioterapia. Este tipo de lesão provoca dor intensa e limita muito os movimentos da articulação. Com referência ao retorno do atleta aos jogos, dependerá da evolução clínica e do controle da dor. Este tipo de resposta é muito individual. À medida que ele for se sentindo mais confortável, diminuindo a dor, será possível liberá-lo para os treinos e consequentemente para os jogos, afirmou.

Revelado nas Categorias de Formação do Rubro-Negro, Marcos Guilherme, de 19 anos de idade, completou no último fim de semana 90 jogos com a camisa do Atlético Paranaense. Na atual temporada, disputou 20 jogos pelo time – foi titular em 18 deles. Também em 2015, é líder da equipe em assistências, com cinco passes para gol. Marcos Guilherme encontra-se em tratamento intensivo no Departamento Médico, na tentativa de possibilitar a sua volta ao Furacão já neste domingo.

Reforço

Vem da Europa mais um reforço para a equipe principal do Atlético Paranaense. O português Bruno Pereirinha já está no CAT Alfredo Gottardi, onde foi apresentado aos novos companheiros e fica à disposição do técnico Milton Mendes para a sequência da temporada. Com facilidade para atuar tanto no meio de campo como em ambas as laterais, o jogador vem para ajudar o Rubro-Negro no Campeonato Brasileiro e na Copa Sul-Americana, que tem início em agosto.

Este é um novo desafio para mim e estou com muita vontade de começá-lo, afirmou o jogador de 27 anos. Revelado pelo Sporting de Lisboa (POR), Pereirinha passou ainda pelo futebol grego e italiano. Nas últimas três temporadas, defendeu a Lazio (ITA). Do Velho Continente, traz ao Brasil no currículo uma Copa da Itália (2012-2013) e duas Taças de Portugal (2006-2007 e 2007-2008). Quando vim para cá, me foi apresentado um projeto muito ambicioso com objetivos bem definidos e uma equipe jovem, de muita qualidade. Venho com muita ambição e vejo a equipe também com muita ambição em atingir os nossos objetivos, completou.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima