Movimento tenta convencer Abilio Diniz a concorrer à vaga de vice da CBF

CAMILA MATTOSO

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Um movimento de bastidores tenta convencer o empresário Abilio Diniz a se candidatar para concorrer à vaga de vice-presidente da CBF.

Com 78 anos, o executivo viraria o mais velho no quadro dos vices da entidade e, assim, se ganhasse, seria quem assumiria o cargo de presidente, caso Marco Polo Del Nero ficasse impedido de vez de permanecer – hoje ele está licenciado por conta dos escândalos de corrupção descobertos pelo FBI.

O candidato da atual gestão é o coronel Antonio Nunes, do Pará, inclusive para evitar que o opositor Delfim Peixoto, de Santa Catarina, possa eventualmente assumir a presidência.

A campanha para convencer Diniz começou há 16 dias e conta já com apoio de clubes e federações, além de jogadores.

Nenhum, no entanto, quer ser identificado, por temer pressão da atual gestão da CBF.

Esta sexta-feira (11) é o último dia para inscrever uma chapa para concorrer às eleições, que estão marcadas para a próxima quarta-feira (16).

O empresário, segundo pessoas que estão no movimento, gostou da ideia nas primeiras conversas, mas não se decidiu.

A reportagem tentou contato, mas não conseguiu nenhuma resposta.

José Maria Marin, da prisão domiciliar nos Estados Unidos, enviou uma carta de renúncia.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima