‘Orange Is The New Black’ é parte do avanço dos direitos LGBT, diz atriz

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Em painel promovido pela TCA, a associação de críticos de televisão dos EUA, as atrizes do seriado “Orange Is The New Black” falaram da importância das questões LGBT abordadas nos episódios na conquista de direitos dessa comunidade.
“Estamos mostrando ao mundo que é OK representar diferentes mulheres e pessoas. A Netflix foi corajosa. Começamos uma moda, e essa moda é a diversidade”, disse a atriz Selenis Leyva, a Gloria do seriado, de acordo com o site “Deadline”.
Natasha Lyonne (a Nicky) diz que a produção é “extraordinária, profunda e humana”. “Estamos animadas em representar as coisas em que acreditamos”, comentou.
A atriz que interpreta Big Boo, Lea DeLaria, falou de suas experiências pessoais no encontro. Homossexual, DeLaria contou que foi abordada por uma senhora de 80 anos que fez questão de apresentá-la a sua neta adolescente. “Cinco anos atrás, isso nunca aconteceria. É uma mudança incrível, e eu atribuo isso completamente a ‘Orange’.”
“O que fazemos é parte da conquista de direitos pela comunidade LGBT. É sobre ganhar corações e mentes das pessoas, e ‘Orange Is The New Black’ é uma parte importante do que aconteceu em nossa comunidade”, disse a intérprete de Big Boo.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima