Revista sofre ataque hacker após capa com vítimas de Bill Cosby

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – “@NYMag vai ficar fora do ar por cinco horas”, anunciou o perfil do Twitter Vikingdom2016, anunciando o ataque hacker à revista “New York” nesta segunda-feira (27), após a edição em banca da publicação estampar em sua capa 35 mulheres que acusam Bill Cosby de abuso sexual.
O site da publicação ficou por mais de sete horas indisponível, e só voltou à ativa por volta das 17h.
Segundo a revista “Fortune”, que conversou com o grupo Vikingdom2016 pela rede social, o ataque não foi uma retaliação aos relatos publicados pela “New York”.
Questionados sobre a motivação da ofensiva, os hackers limitaram-se a responder que não gostavam da “New York, incluindo a polícia”. Depois, afirmaram que, sim, a ação foi motivada pela história sobre Cosby, mas não porque o grupo não era favorável ao artigo: “Foi só uma pegadinha”.
Enquanto o site estava fora do ar, a revista divulgou pelo Twitter os relatos que publicou no Instagram, com fotos e vídeos das mulheres ouvidas.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima