Santa Fe vence o Huracán nos pênaltis e é campeão da Copa Sul-Americana

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Nos pênaltis, o Independiente Santa Fe, da Colômbia, venceu o argentino Huracán após empate por 0 a 0 no tempo normal e prorrogação, na madrugada desta quinta-feira (10), no estádio El Campín, em Bogotá, e conquistou a Copa Sul-Americana pela primeira vez em sua história.

O título da equipe colombiana veio após dois empates sem gols entre as equipes. A final começou a ser disputada no dia 2 de dezembro, na Argentina.

Este foi o primeiro título de um clube colombiano em 14 edições do torneio. Com o resultado, o Santa Fé garantiu vaga na Libertadores de 2016.

Nas penalidades, O Santa Fe venceu por 3 a 1 após o Huracan acertar a trave duas vezes e o goleiro do time colombiano Zapata defender uma das cobranças.

Ramon Ábila, do Huracán, batedor oficial de pênaltis do time e um dos destaque da equipe no torneio, foi expulso aos 13 minutos do segundo tempo da prorrogação após agredir um jogador da equipe adversária.

Em sua campanha na competição, o Santa Fe eliminou o LDU de Loja (EQU), Nacional (URU), Emelec (EQU), Independiente (ARG) e Sportivo Luqueño (PAR).

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima