Taiwan: Sobe para 14 o número de mortos em terremoto

Equipes de resgate trabalham contra o relógio em busca de uma centena de pessoas desaparecidas depois de um poderoso terremoto no amanhecer deste sábado provocar a queda de um edifício residencial e matar ao menos 14 pessoas.

As equipes resgataram 348 pessoas dos escombros na cidade de Tainan, a cidade mais afetada pelo terremoto. Mais de 2 mil bombeiros e soldados equipados com escadas e gruas removeram os restos de um edifício residencial de 17 andares, que desmoronou em decorrência do tremor.

As autoridades disseram que mais de 100 pessoas estão desaparecidas. Segundo a Agência Noticiosa Central, os desaparecidos somavam 172.

A tragédia ocorreu dois dias antes da celebração do ano-novo lunar, o feriado familiar mais importante do calendário chinês. O edifício tinha 256 moradores, mas poderia haver muito mais pessoas no momento do tremor porque nestas datas as famílias recebem muitos convidados.

A maioria dos afetados foi surpreendida pelo sismo enquanto dormia. O tremor de magnitude 6,4 ocorreu às 4h deste sábado (16h de sexta-feira em Brasília). O epicentro foi registrado a 35 quilômetros a sudeste de Yujing e a cerca de 10 quilômetros de profundidade, segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos.

As autoridades disseram que 13 pessoas morreram em consequência do tremor, 11 delas no edifício. O centro de emergências nacional informou que 477 pessoas estão feridas, dentre as quais 380 já receberam alta dos hospitais.

Outras duas pessoas morreram devido à queda dos escombros. Não se sabem detalhes sobre a 14ª vítima fatal. Fonte: Associated Press.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima