Tribunal rejeita recurso e mantém Real Madrid fora da Copa do Rei

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O TAD (Tribunal Arbitral do Esporte) da Espanha recusou o recurso apresentado pelo Real Madrid e confirmou nesta segunda-feira (28) que o clube está fora da Copa do Rei.

O Real foi eliminado da competição pela escalação indevida do meia Denis Cheryshev, que foi denunciada pelo Cádiz, rival derrotado em campo por 3 a 1 no início de dezembro. A Federação Espanhola de Futebol decidiu, então, tirar o clube do torneio.

Cheryshev havia sido suspenso por três cartões amarelos na última edição da Copa do Rei, quando defendia o Villarreal. Como a equipe foi eliminada antes do meia cumprir o gancho, a punição deveria ser aplicada na temporada atual. O russo entrou em campo na estreia do Real na competição e até marcou o primeiro gol da equipe.

“Analisados os argumentos das partes, o tribunal concordou em negar o recurso do Real Madrid”, afirmou o TAD.

Os advogados do clube examinaram os documentos e alegaram dois argumentos para que o clube continuasse no torneio. O primeiro era de que não existia uma notificação pessoal ao jogador de quando estava no Villarreal. E a outra é de que as três primeiras rodadas da Copa do Rei aliviariam a situação. O torneio começa sem a participação dos clubes da elite. Portanto, não houve jogo do Real.

Ao Real resta apenas a Justiça comum para tentar reverter a pena.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima