Mundo

Etiópia condena ameaças de Donald Trump sobre barragem no Nilo Azul

A Etiópia condenou neste sábado o que chama de “ameaças belicosas” do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, que afirmou ontem que o Egito acabará por destruir a barragem que os etíopes estão construindo no principal afluente do rio Nilo.

Sem citar nominalmente Trump ou os Estados Unidos, a declaração do gabinete do primeiro-ministro Abiy Ahmed vem após nova ameaça do presidente americano ao projeto de US$ 4,6 bilhões no Nilo Azul que pretende se tornar a principal estação hidrelétrica da África em 2023.

No início do ano, o Departamento de Estado americano anunciou a suspensão de ajuda monetária à Etiópia por conta da disputa em torno da barragem. O governo local diz que a medida foi feita como aceno do governo americano ao Egito, que contesta a construção da barragem por temer um represamento da água que chega ao Nilo, principal fonte do recurso hídrico no país.

Para cima