Mundo

UE/vacinas: comissário sugere que contrato com AstraZeneca pode não ser renovado

Comissário de Mercados Internos da União Europeia (UE), Thierry Breton afirmou que o contrato de fornecimento de vacinas contra a covid-19 da AstraZeneca com o bloco “termina em 30 de junho”. A declaração, dada no domingo, sugere que o bloco pode não renovar esse vínculo, após dificuldades e atrasos da empresa na entrega do imunizante aos países da região. Durante entrevista à emissora francesa BFM, Breton disse que “nada está decidido” sobre um eventual novo contrato com a empresa. Segundo ele, é uma prioridade para o bloco que as vacinas sejam entregues “pontualmente” como combinado entre as partes.
Para cima