Paraná

Nota Paraná libera R$ 24 milhões em créditos, maior valor em dez meses

Crédito: AEN

* AEN

O Programa Nota Paraná, do Governo do Estado e executado pela Secretaria da Fazenda, liberou na sexta-feira (8) os créditos para os contribuintes que colocaram CPF nas compras feitas no mês de outubro.

Neste mês serão liberados R$ 24,2 milhões, sendo R$ 21,9 para consumidores com CPF identificado e R$ 2,3 milhões para organizações sociais cadastradas e que receberam doações de notas fiscais. É o maior valor deste março de 2020 (veja tabela abaixo).

O valor representa um acréscimo de R$ 3 milhões em comparação ao valor restituído mês de dezembro, que foi de R$ 21 milhões.

Após a queda registrada durante os meses de abril a outubro, devido à pandemia, os valores voltaram a subir à medida que a atividade econômica do país volta paulatinamente à normalidade.

Em outubro foram repassados R$18,9 milhões; em novembro R$ 21,9 milhões e dezembro R$ 21 milhões.

Sorteio

Nesta segunda-feira (11) será realizado o sorteio de R$ 5 milhões em prêmios, referente às notas fiscais emitidas nas compras de setembro de 2020.

Mensalmente, o Nota Paraná distribui, através dos sorteios, 40.103 prêmios aos cidadãos cadastrados, totalizando um valor de R$ 2,8 milhões. Para as entidades assistenciais cadastradas são 20.010 prêmios, totalizando R$ 2,2 milhões (confira a tabela ao lado).

Para participar, basta se cadastrar no site e aderir ao regulamento. Ao solicitar seu CPF na nota você ganhará um bilhete eletrônico pela primeira compra do mês.

Depois, a cada R$ 200 em notas fiscais, dá o direito a um bilhete para o sorteio de seu respectivo período de adesão. Os prêmios do sorteio poderão ser utilizados para abater do IPVA ou creditados na conta bancária do premiado.

Confira a tabela com créditos repassados aos consumidores em 2020:

JANEIRO/2021 (compras de outubro): R$ 24,2 milhões

DEZEMBRO/2020 (compras de setembro): R$ 20,9 milhões

NOVEMBRO/2020 (compras de agosto): R$ 21,9 milhões

OUTUBRO/2020 (compras de julho): R$ 18,9 milhões

SETEMBRO/2020 (compras de junho): R$ 17,4 milhões

AGOSTO/2020 (compras de maio): R$ 16,5 milhões

JULHO/2020 (compras de abril): R$ 8 milhões

JUNHO/2020 (compras de março): R$ 8,5 milhões

MAIO/2020 (compras de fevereiro): R$ 17 milhões

ABRIL/2020 (compras de janeiro): R$ 19,3 milhões

MARÇO/2020 (compras de dez/19): R$ 32,2 milhões

FEVEREIRO/2020 (compras de nov/19): R$ 21,7 milhões

JANEIRO/2020 (compras de out/19): R$ 41,4 milhões

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima