Pato Branco

Com baixo estoque de sangue, hemonúcleo entra em alerta

Nos últimos dias, principalmente com a chegada repentina do frio, o estoque de sangue no Hemonúcleo de Pato Branco vem reduzindo, deixando o sistema de saúde em alerta.

De acordo com Sílvia Barbosa Pecin Acosta, coordenadora da unidade, o frio diminui a procura dos doadores, o que agrava ainda mais o problema. “Nosso número de coletas reduziu, e consequentemente nosso estoque. A colaboração da população é fundamental para garantirmos a manutenção do estoque e dos atendimentos hospitalares”, enfatizou.

O Hemonúcleo de Pato Branco faz a distribuição de hemocomponentes para os serviços hospitalares da 7ª Regional de Saúde, que atendendo aos 15 municípios da microrregião.

Sobre a demanda necessária de sangue, Sílvia explicou que por ser considerado o doador universal é sempre necessário manter um estoque do sangue tipo 0 negativo. Porém, há necessidade dos demais tipos também.

Para fazer a doação, o tempo médio necessário é de 45 a 60 minutos. “Na triagem médica, o candidato a doador é avaliado individualmente e, dependendo de fatores como estado nutricional e peso, é definida uma quantidade de sangue a ser doado entre 400ml e 450ml”, revelou.

Salvar até quatro vidas

Sílvia lembrou ainda que uma doação de sangue pode salvar até quatro vidas. “Pacientes em tratamento de câncer, transplantados, em hemodiálise, acidentados, ou durante cirurgias, são alguns dos casos em que pode haver necessidade de transfusão sanguínea”, destacou.

Sobre a necessidade semanal de sangue para atender a demanda, a coordenadora do Hemonúcleo de Pato Branco disse que é muito variável, e depende do fluxo dos hospitais, que é algo difícil de prever. “Mesmo com cirurgias eletivas adiadas, os hospitais continuam em atendimento e necessitando de hemocomponentes”, completou.

Para dificultar a situação ainda mais, a questão da pandemia associada as temperaturas mais baixas têm aumentado a probabilidade de estoques baixos, pela redução no número de doações.

Campanha

Sílvia contou que no momento há uma campanha de captação ativa de doadores, onde colaboradores do Hemonúcleo ligam para as pessoas que realizavam as doações na unidade e os convidam para voltarem a doar sangue. “Contamos com a generosidade da população para dispor de um tempo e fazer a sua doação”, enfatizou.

Quem pode doar

– Pessoas em boas condições de saúde

– Idade entre 16 e 59 anos, sendo que menores devem estar acompanhados dos pais

– Pesar acima de 50 kg

– Não apresentar sinais de gripe e resfriado, como tosse, coriza, febre, ou ainda diarreia

– Estar descansado e alimentado

Dia e hora

– O Hemonúcleo atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h às 16h30

– Para a doação é necessário apresentar um documento oficial com foto

Mais informações

– Facebook: Hemonúcleo Pato Branco

– Telefone: 3225-1014

– E-mail: [email protected]

– Site: www.saude.pr.gov.br/Pagina/Doacao-de-Sangue

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima