Nessa segunda-feira (29) o vereador Eduardo Albani Dala Costa (MDB) protocolou a Indicação n° 104/2021, pedindo ao Executivo municipal para que analise a possibilidade de reconstrução da Casa Temática de Pato Branco, mais conhecida como a casa do Papai Noel, que ficava localizada na praça Presidente Vargas, no centro do município.

A Casa Temática era considerada um ponto turístico de Pato Branco e servia de cenário para fotografias em família, além de ser decorada anualmente para as comemorações de Natal e de Páscoa, atraindo visitantes de diversas regiões do país e exterior.

Símbolo lúdico de Pato Branco, a Casa Temática foi consumida pelo fogo durante um incêndio no último dia 26 de fevereiro, para tristeza da população, principalmente das crianças, que se encantavam com a magia do local.

Durante a sessão dessa segunda-feira (29), o vereador afirmou que a casinha já é consolidada na cidade e que houve um chamado da população pedindo que fosse reconstruída. “Sempre que chegava períodos de festividades as pessoas iam lá para tirar fotos, viver momentos em família. Deve ser separada a parte política e pensado no bem da sociedade”, justificou.

Enquete

Nessa terça-feira (30), a reportagem do Diário do Sudoeste solicitou a opinião da população através das redes sociais. Tanto no Facebook quanto no Instagram o assunto dividiu opiniões. Várias pessoas se pronunciaram a favor da reconstrução, já outros se posicionaram contra, alegando que esse ainda não é o momento de investir na casinha, tendo em vista outros problemas mais urgentes provocados pela pandemia de covid-19.

Na enquete feita no Instagram, 195 pessoas (86%) votaram a favor da reconstrução da casinha e 33 pessoas (14%) votaram contra. A seguir, algumas opiniões:

“Mais do que apoiada, inclusive que seja reconstruída igualzinha a outra. Uma réplica”, Mari Meneguzzo Schnornberger

“Sinceramente acredito que há outras prioridades por hora. Como, por exemplo, auxiliar famílias que possam estar passando necessidade em meio a pandemia, pensar em ações efetivas de controle da covid-19 (não tratamento precoce que não existe e não é eficaz)”, Ketlyn Emanuele Lourenço

“Mais que apoio, afinal a casinha era a essência do Natal, as crianças adoravam. Acredito que deveria, sim, ser reconstruída, isso demonstraria empatia e respeito às crianças que tanto gostavam daquela atração”, Paulo Cesar Hartecopf

“Uma ótima ideia, mas deixaria para outro momento. Ótimo investir no momento em auxiliar famílias no momento negativo que enfrentam”, Fabiola Christina da Silva

“Amei! Meu filho ficou muito triste quando passou e a casinha não estava mais lá. A tristeza permaneceu vários dias, até os guarda-chuvas chegarem. Acredito que os espaços de lazer são tão importantes quanto os outros, ainda mais em tempos tão difíceis”, Tamieli Tuski

“Acredito que tenham coisas mais importantes para se preocupar nesse de pandemia!”, Sabrina Alves

“Se tiver disponibilidade e dinheiro para fazer… Não vejo porque não!”, Vinicios Picoloto Oldoni

“Excelente ideia. Afinal de contas representará dias melhores futuros. Uma esperança que esta pandemia passará e tornaremos a comemorar o Natal novamente …boas festas…”, Andre Rodrigues Rodrigues

“Parabéns pela ideia maravilhosa”, Maria Sirlei Rodrigues

“Concordo, no decorrer do tempo”, Graci C. Barbieri

“Parabéns pela iniciativa, tem que reconstruir, a fé e a esperança nunca podem faltar e a casinha do Papai Noel representava tudo isso”, Deia Moraes

“Acho desnecessário nesse momento, tem tantas outras coisas como prioridade, tem tantos desempregados, tantas pessoas passando fome na nossa cidade…”, Rosane Oliveira

“Eu usaria o valor para suprir as necessidades de quem perdeu seu emprego. Acho que o povo prefere comer a ver a casinha do papai Noel esse ano”, Ivete Belusso

“Pelamor né gente sabem o valor?, compra vacina com esse dinheiro. Pensar em casinha de papai Noel com tanta gente morrendo por falta de oxigênio e vacina. Tem cada vereador que tem que dar uma taça, e falavam em renovação na Câmara, por favor”, Cezar Augusto Dallagnol Barbosa

“Com certeza a construção de uma nova estrutura será necessária para futuros eventos com as crianças e a comunidade em geral”, Edson José Fraron

“Que tal propor um hospital municipal ou regional?”, Willian Sturmer

“Não vejo necessidade disso. Que tal em vez de construir uma nova casinha destinar o dinheiro para outras atividades? Tem a casinha do artesanato, poderiam muito bem estar ocupando ela para quando tiver tais datas comemorativas e assim ajudaria também a venda de produtos de artesanatos da cidade”, João Paulo Petralha

“Faz uma casa popular com a grana e fica por isso. Aproveita e repensa esse Natal, porque não é vantagem gastar todo dinheiro da cultura em uma única festividade só no centro. Distribuir é o caminho, faria mais parte de espírito ‘cristão e natalino’ do que do jeito que está”, Roberto Pocai

“Se vereadores e prefeitura trabalhassem pelo povo já teriam dado início a dita licitação e as propostas pra isso. Mas até agora a administração pública desse mandato está uma vergonha desde os secretários até a cúpula”, Rodrigo Caldato