Pato Branco

Seu lacre + tampinha do bem promove doações de cadeiras de rodas em Pato Branco

Cadeiras já doadas em Pato Branco - Crédito: Divulgação

Para participar do projeto beneficente basta doar, em um dos pontos de coleta do município, lacres ou tampinhas de plástico e metal

Normalmente os lacres ou tampinhas de plásticos e metais vão para o lixo após utilizados. Porém, quando coletados, podem servir como moeda de troca para a aquisição de cadeiras de rodas. Isso porque, em Pato Branco, existe o projeto Seu lacre + tampinha do bem, que busca adquirir cadeiras de rodas para pessoas em situação de vulnerabilidade social através da venda dos materiais coletados.

Para participar da ação beneficente é simples, basta deixar os itens que estão sendo arrecadados em um dos pontos de coleta no município, que atualmente se encontram nos supermercados Patão, Manfroi Sul, Super Pão e em todas as unidades da rede Center.

Pessoas, condomínios ou empresas interessadas em se tornar um ponto de coleta, podem entrar em contato com o clube rotário através com as integrantes; Ivanete (46) 98409-6738, ou de Nêmora (46) 99923-6918.

Os telefones também são o canal de acesso para quem deseja solicitar a doação de uma cadeira de rodas por tempo indeterminado — pois, o projeto visa doar cadeiras a pessoas com problemas permanentes de locomoção, tendo em vista que já existe uma outra ação rotária que conta com um banco de empréstimos de cadeira, por curto período de tempo, onde o contato pode ser feito com João através do número (46) 98401- 4133.

Doações já realizadas

Somente no ano passado, o Rotary Club de Pato Branco – Amizade, responsável pelo projeto, arrecadou, aproximadamente, uma tonelada de lacres, 1,5 tonelada de tampinhas plásticas e mais de dois mil quilos de tampas metálicas. A venda de todos esses materiais resultou na compra de cinco cadeiras de rodas, que serão doadas no próximo mês a pessoas com problemas permanentes de locomoção e em situação de vulnerabilidade social.

Contando com as cadeiras adquiridas no fim de 2020, o projeto no município, existente há pouco mais de dois anos, já conseguiu doar 14 cadeiras e pode, nos próximos meses, fazer mais entregas, pois, como conta um dos membros do clube rotário, Fábio Brignol de Moraes, somente nesses 13 dias iniciais de 2021, o projeto já arrecadou material suficiente para comprar duas cadeiras.

Entenda mais

De acordo com Moraes, para que apenas uma cadeira de roda seja adquirida, são precisos, aproximadamente, 80 kg de lacres, 200 kg de tampinhas plásticas e 1,3 toneladas de tampinhas metálicas.

Na prática, o rotariano exemplifica que, são necessários, no mínimo, 90 garrafas pet de dois litros cheias de lacres, para adquirir apenas uma cadeira.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima