Mariana Sales e Jéssica Procópio

Ontem (12) pela manhã, a Associação Tiringol de Pato Branco realizou uma demonstração prática de como funciona o tiringol — nova modalidade de esporte no município.
De acordo com o presidente da associação, Nelson Chavala, a modalidade consiste basicamente na cobrança de pênaltis. Segundo ele, trata-se de uma modalidade inclusiva, ou seja, que pode ser praticada tanto por crianças, quanto por idosos. “Nós ficamos mais de seis meses criando as regras desse esporte. Agora, lançado, temos a intenção de inseri-lo nas mais diversas competições esportivas, não regionais como estaduais e nacional.”
Apesar da nova modalidade ter sido apresentada em campo, nessa terça, seu lançamento oficial ocorreu ainda na última sexta-feira (8), no Clube Pinheiros — local parceiro da associação, que será sede para a prática esportiva.
Por enquanto ainda não é possível se inscrever para participar das aulas e competições do tiringol. Conforme Chavala, nos próximos dias serão liberadas informações relacionadas a inscrições, horários e competições.
O tiringol surgiu a partir de uma conversa entre amigos no fim do ano passado, que se uniram, formaram uma associação e hoje sonham em levar a prática para as olimpíadas.

Algumas das regras do Tiringol

  1. Campo oficial: 15m x 20m, superfície de grama, piso sintético, areia ou ainda espaços alternativos;
  2. Baliza: Dois postes com 2,40 m de altura, com um travessão de 7m, em material de fácil fixação no local, inclusive podendo ser desmontável, para que seja transportado se for o caso;
  3. Bola – A bola será oficial com a logomarca do Tiringol determinadas pela entidade promotora do evento;
  4. Redes: serão acopladas na baliza, sempre bem ajustadas, a fim de segurança e resistência para sua finalidade, receber o impacto da bola após o Tiringol;
  5. Mesa de Comando: Será o local da súmula, cronometragens e o ponto de partida do Tiringol;
  6. Placar: Terá o resultado imediato do Tiringol, localizado em pontos estratégicos para visualização do público presente e imprensa em geral;
  7. Bancos: Dois bancos com cinco assentos e com as cores das agremiações serão colocados no local para que os atletas e comissão técnica sentem – se;
  8. Local para Torcedores: Deverão estar situados atrás dos bancos;
  9. Equipe será composta de no mínimo 3 e no máximo 5 jogadores. Sendo que um deles, o goleiro;
  10. Marcações de Limites no Local para Tiringol: As linhas bem visíveis passando entre os postes da baliza, com 8 cm de espessuras na cor branca; 11. Olho no Lance: Distância de 10m alinhado com o centro da baliza será demarcado, o “Olho no Lance”;
  11. Duração da Disputa: Após as equipes efetuarem os 5 Tiringol alternadamente, e se houver empate, tantos Tiringol forem necessários para a decisão final da disputa, com ordem dos disparos definidos pelo técnico da equipe;

  12. Fonte: Associação Tiringol de Pato Branco