Região

Ampére intensifica fiscalização contra aglomerações

Prefeito publicou vídeo pedindo pela suspensão inclusive de serviços de delivery. Luquini também falou sobre o risco de falta de oxigênio no município. Estoques, porém, já foram restabelecidos

As autoridades de Ampére criaram uma força tarefa para intensificar a fiscalização de aglomerações, festas clandestinas e estabelecimentos comerciais abertos de forma irregular no município. Segundo informações de Julio Alves, da rádio Ampére, cerca de 40 profissionais estão se revezando na fiscalização, que está acontecendo 24 horas por dia.

A força tarefa foi criada por conta das várias denúncias de aglomerações que ferem as determinações dos decretos estadual e municipal, que visam combater o avanço da pandemia de Covid-19.

De acordo com Julio, o município já pensava em medidas mais restritivas no início da semana, ações que foram concretizadas a partir do decreto estadual anunciado pelo governador Ratinho Junior na última sexta-feira (26).

Em Ampére, há cerca de 70 casos ativos de Covid-19, e a estrutura de atendimento está perto do limite, assim como em várias outras cidades da região. Na manhã deste domingo (28), o prefeito Zuca Luquini divulgou um vídeo pedindo para que mesmo serviços de delivery sejam interrompidos até a manhã de segunda-feira (01). Permaneceriam abertos apenas postos de combustível e farmácias.

Luquini chegou a falar de uma possível falta de suprimento de oxigênio. De acordo com o repórter da rádio Ampére, porém, um novo carregamento já teria sido entregue no município. A informação seria da diretoria do hospital local.

1 comentário

1 comentário

  1. Grasi

    1 de março de 2021 às 5:02 PM

    E como nos mercados pode aglomerar ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima