Agropecuária

Avicultura se destaca na economia de Dois Vizinhos

Em Dois Vizinhos existem 410 aviários em funcionamento - Crédito: Jonas Oliveira/AEN

Por ano, 66 milhões de frangos de corte são produzidos no Município. São responsáveis por esse índice, 254 famílias agricultoras. Juntas, contribuem, não só com a economia local e regional, como também com o título de Capital Nacional do Frango

O Município de Dois Vizinhos, situado na região sudoeste do Paraná, com uma população aproximada de 40 mil habitantes, é destaque, nacional e internacionalmente, na avicultura. Ou seja, na criação de aves para produção de alimentos, em especial carne e ovos. Seus altos índices de produção lhe deram o título de Capital Nacional do Frango.

De acordo com o Departamento de Economia Rural (Deral), em 2019 foram criados por agricultores do município, cerca de 66 milhões de frangos de corte, um índice, que segundo a Secretaria de Desenvolvimento Rural, Meio Ambiente e Recursos Hídricos de Dois Vizinhos, é batido pelos agricultores
todos os anos.

Essas aves, em sua maioria abastecem dois grandes frigoríficos da região. Um deles, é uma unidade da BRF que, instalada no Município desde 1978, abate, por dia, cerca de 700 mil frangos. Sua produção diária, o coloca como sendo o maior frigorífico da América Latina. E este título, reflete diretamente, não só na economia de Dois Vizinhos, como também na vida dos agricultores locais.

Carro chefe

A avicultura, é uma das principais fontes de renda entre os agricultores do Município. Conforme dados da Secretaria, existem 254 famílias em Dois Vizinhos que trabalham com a atividade. Juntos, esses agricultores chegam a um total de 410 aviários em funcionamento.

Apesar de ser o carro chefe da agricultura, a avicultura não é a única atividade rural no Município que se destaca. Conforme Santos, os agricultores, em sua maioria, também trabalham com a produção leiteira, com a plantação de grãos e hortaliças, entre outras atividades. “Mesmo assim, a maioria dos produtores que tem aviário, tem a principal renda vinda da avicultura”, explica Santos.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Científico, Tecnológico e de Turismo, Itacir João Nesello, destaca a importância dos outros setores da agricultura no Município. Para ele, ser o maior abatedor de frangos do Brasil e da América, não só interfere como incentiva toda a atividade rural. “O desenvolvimento produtivo incentivou toda agricultura, não só a parte de aviários. Desde os produtores de grão, que providenciam a alimentação para todos esses animais, como a produção de adubo e as lavouras”, disse.

Economia local

Conforme o secretário municipal de Desenvolvimento Rural, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, Mauri Ferreira dos Santos, a grande parte do Produto Interno Bruto (PIB) rural de Dois Vizinhos vem da avicultura.
Segundo ele, 70% da renda que circula no Município é oriundo da criação
de frango. “Além de retorno do ICMS e do próprio Funrural, tem a questão social, que é a empregabilidade, direta e indiretamente”, comenta Santos.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima