Região

Microrregião apresenta redução de 31% nos casos de adolescentes grávidas

Em 2020 a microrregião contabilizou 563 casos de gestações na adolescência - Créditos: Ana Nascimento/MDS/Portal Brasil

De acordo com dados levantados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) nos últimos cinco anos a região apresentou queda no número de gestações na adolescência

Júlia Heimerdinger

A Semana Nacional de Prevenção da Gravidez teve início nesta segunda-feira (1º) e vai até o próximo dia 8 de fevereiro. A data foi instituída pela Lei nº 13.798/2.019, e tem como propósito transmitir informações relacionadas a medidas preventivas e educativas que auxiliam na redução da ocorrência da gravidez na adolescência.

De acordo a Sesa o número de gestações em adolescentes (10 a 19 anos) diminuiu no Paraná. No ano de 2018 a porcentagem no número de adolescentes grávidas no Estado ficou em 13,2%. Uma das metas do Plano Estadual de Saúde (PES 2020/2023) é atingir 11,3% no consolidado do ano, o que já foi atingida, pois em 2020 o número caiu para 11,3%.

Conforme a Organização Mundial de Saúde (OMS), a gravidez nesta faixa etária aumenta as chances de complicações para a mãe, para o feto e para o recém-nascido, além de intensificar as problemáticas socioeconômicas.

No Brasil, segundo a Associação Médica Brasileira a taxa de gestação na adolescência é alta, contabilizando 400 mil casos por ano. Em relação, a faixa etária, dados demonstram que no ano de 2014 nasceram 28.244 crianças de mães entre 10 e 14 anos e 534.364 filhos de meninas com idade entre 15 e 19 anos.

Realidade Microrregião

A microrregião de Pato Branco contempla 15 municípios, e nos últimos cinco anos o número de adolescentes grávidas também diminuiu na região. No ano de 2016 foram 816 meninas que engravidaram na adolescência.

Já em 2017 o número caiu para 696 meninas grávidas, destas 59 garotas com 15 anos de idade. No ano de 2018 foram contabilizadas 674 gestações na adolescência, destas 140 adolescentes com 17 anos.

Em 2019 o número reduziu ainda mais, foram 652 gravidez na adolescência, destas 86 apresentaram ter 16 anos. O ano de 2020 foi o que apresentou o menor número de gestações na adolescência, foram contabilizados 563 casos, entre 12 e 19 anos.

Na totalidade a microrregião de Pato Branco registrou nos últimos cinco anos 3.401 casos de gravidez na adolescência. A redução na microrregião representa 31% nesse período.

Dados Pato Branco

A realidade de Pato Branco também demonstra queda no número de casos de adolescentes grávidas na adolescência. Em 2016 foram 158 gestações, com idade entre 13 e 19 anos. No ano de 2017 o número aumentou para 160, com idade entre 14 e 19 anos.

Em 2018 o número voltou a reduzir, foram contabilizadas 143 gestações na adolescência no município, destas 44 apresentaram possuir 19 anos de idade.

No ano de 2019 foram 129 ocorrências de gravidez na adolescência, 31 meninas demonstraram ter 18 anos. No último ano, em 2020 foi registrado o menor índice, manifestando 105 casos de garotas grávidas na adolescência em Pato Branco, com idade entre 13 e 19 anos.

Ao total no município nos últimos cinco anos foram contabilizados 695 casos de gestação na adolescência, a idade mais predominante foi 19 anos, demonstrando 228. A queda em Pato Branco demonstra 33,55 % nesse período.

Paraná

Em 2016 no Estado foram 24.006 adolescentes grávidas, entre idade de 11 a 19 anos. No ano de 2017 o número reduziu para 22.323.

Em 2018 foram contabilizadas 20.621 garotas grávidas, destas 6.264 apresentaram ter 19 anos de idade. Em 2019 foram registradas 18.883 gestações na adolescência, com idade entre 12 e 19 anos.

O menor índice foi apontado no ano passado, em 2020. Foram 16.059 adolescentes grávidas, entre 10 e 19 anos. A redução no Estado nesses últimos cinco anos demonstra uma porcentagem de 33,10%.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima