Região

Paciente de Verê está curado do coronavírus

Na tarde de segunda-feira (30) foi confirmado o primeiro caso de Covid-19, em Verê. Já na manhã desta terça (31), a coordenadora de Vigilância Epidemiológica do Município, a enfermeira Gabriella Carletto, gravou um vídeo para as redes sociais da prefeitura, relatando como foi feito o atendimento deste paciente, o qual está curado do coronavírus.

Segundo o documento do atendimento e os relatos dos familiares, o paciente é morador de Araucária (PR), porém, familiares residem em Verê. Assim, visita-os com frequência. 

Recentemente, ele fez um cruzeiro e, depois disso, se deslocou para o Sudoeste. Segundo o paciente, no dia 15 deste mês, começou a sentir os sintomas de tosse e dor no corpo. No dia 19, procurou a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Francisco Beltrão, onde foi consultado e feita a coleta para exames. Após isso e receitado os medicamentos, o paciente foi liberado.

Como o paciente informou no atendimento que seu endereço era Verê, no dia 20 a Secretaria de Saúde de Verê foi informada deste paciente suspeito de Covid-19. 

Desta forma, o Setor de Epidemiologia de Verê procurou o paciente na casa dos pais, pediu que ficasse em isolamento domiciliar e orientou todos os cuidados que deveriam tomar. Também que a família se mantivesse em isolamento, assim como os cuidados que deveriam ter, inclusive de não sair de casa e não receber visitas. A mesma orientação foi repassada aos vizinhos e pessoas próximas, com quem o paciente teve contato.

Diariamente, a Saúde de Verê manteve contato com o paciente para acompanhar os sintomas e reforçar os cuidados, seja presencialmente ou via telefone e WhatsApp, seguindo o protocolo do Ministério da Saúde.

Mesmo assim, alegando problemas pessoais, na última sexta-feira (27) o paciente retornou para Araucária e só comunicou a Secretaria de Saúde no sábado (28), após contato dos profissionais para saber o seu estado de saúde, que relatou estar bem, em casa, tomando os devidos cuidados.

Agora, com o resultado positivo, Gabriella frisou que o paciente afirma não ter mais os sintomas e seguiu o tratamento indicado pelos médicos. Portanto, é considerado curado do coronavírus, está liberado do isolamento domiciliar e poderá voltar às suas atividades normais. Porém, deve seguir as recomendações de cuidados básicos, repassadas para toda a população.

Por outro lado, os familiares e pessoas que tiveram contato com este paciente, no período de isolamento, deverão iniciar agora o isolamento por 15 dias, para evitar que alguém que possa estar com o vírus e repasse para outras pessoas. 

Portanto, reforça o aviso aos familiares e pessoas que tiveram contato com o paciente, para que se mantenham em casa, sigam o isolamento social e, qualquer sintoma, procure imediatamente as unidades de saúde.

Os telefones de contato direto para quem necessite de mais informações ou sinta os sintomas do Covid-19 são os seguintes: (46) 9 9940-8037 e (46) 3535-1317.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima