Região

Parque urbano leva lazer e preservação ambiental a Cruzeiro do Iguaçu

Foto: José Fernando Ogura/AEN

AEN

Cruzeiro do Iguaçu, é um dos municípios contemplados pelo programa de parques urbanos da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Sustentável e do Turismo. As obras no Distrito Foz do Chopim já passam de 90% e envolvem investimento de R$ 531.497,14. Elas darão novo respiro urbano para essa região e ajudarão no sistema de drenagem das águas pluviais.

O projeto prevê pista de caminhada em concreto, iluminação em LED, um lago, parque infantil, academia ao ar livre, área de passeio e uma ponte de madeira, além de uma quadra esportiva com grama sintética. Ele ocupa um antigo campo de futebol em uma área de banhado. O desenho é basicamente o mesmo de outro parque na cidade, inaugurado no Natal do ano passado.

“Esse programa de parques urbanos está revolucionando a drenagem urbana de pequenos municípios paranaenses. O projeto de Cruzeiro do Iguaçu tem esse conceito. Era uma região pouco utilizada, baixa, e que precisava desses recursos”, afirma o governador Carlos Massa Ratinho Junior.

O projeto também contempla arborização para criação de sombras, lixeiras e um pergolado com bancos de repouso. Ele foi concebido dentro de um conceito de desenvolvimento sustentável da região e é uma alternativa para rivalizar, em lazer, com a praia de água doce de Foz do Chopim.

“Era um local meio abandonado porque o que cresce na região está muito ligado ao Rio Iguaçu. Era um campo de futebol e antigamente era uma madeireira, um local alagadiço”, afirma Francisco Trevisan, engenheiro da prefeitura de Cruzeiro do Iguaçu. “O projeto anterior era fazer casas nesse local, mas o espaço precisava de um tratamento de drenagem adequado. Essa solução nos ajudou a resolver diversos impasses”.

Agenor Ariati, 56, morador da frente do novo parque, comemora a iniciativa desse convênio entre o município e o Estado. “Era um campo de futebol e agora é uma alternativa de lazer. Ficamos muito contentes porque o campinho vai se manter, e será ainda melhor. As crianças também estão na expectativa do parquinho. É um reforço para a nossa comunidade”, destaca.

Jorge Pinheiro, 60, afirma que o antigo campo de futebol estava abandonado, acumulando poças em dias de muita chuva. “Essa iniciativa valoriza mais o Distrito, as nossas casas. Estamos contentes. Era uma demanda antiga da comunidade”, ressalta.

Foz o Chopim

Cruzeiro do Iguaçu tem um privilégio geográfico que muitos municípios paranaenses gostariam de ter: a vizinhança com os rios Iguaçu e Chopim. Outra benesse é a existência da prainha de água doce e tranquila justamente no Distrito Foz do Chopim, onde as águas também são responsáveis pelo funcionamento da Usina Hidrelétrica Foz do Chopim.

O Distrito de Foz do Chopim tem uma história curiosa, moldada a partir da vila dos trabalhadores da usina hidrelétrica. Ele conta com aproximadamente 400 famílias e é como se fosse uma ilha (literalmente) entre o Rio Chopim e o Rio Iguaçu, sendo a porta de entrada para quem chega ao município de balsa, na divisa com Quedas do Iguaçu.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima