Aeróbico antes ou depois do treino?

Saber em qual parte do seu treino inserir o aeróbico é uma dúvida recorrente entre aqueles que praticam atividades físicas ou mesmo entre os iniciantes que pretendem adotar esse exercício. Há diversos incentivadores que apoiam a prática antes da musculação, assim como outros aconselham a ser feito depois. Afinal, será que fazer uma corrida antes do treino com pesos pode ajudar no processo de emagrecimento? Ou será que fazer ao final de um treino pesado pode afetar o seu rendimento no aeróbico?

De acordo com o nutrólogo Thiago Volpi, “não existe uma fórmula que seja correta, e cada caso deve ser analisado individualmente, dependendo de qual for o seu objetivo”. Antes de decidir em que momento da rotina de exercícios será inserido o aeróbico deve se fazer as seguintes perguntas: O que eu quero que essa prática faça por mim? Minha prioridade é melhorar meu desempenho no treino, acelerar um processo de emagrecimento ou melhorar a circulação sanguínea?

Quando conseguimos identificar qual é o objetivo que queremos atingir e inserimos esse exercício no momento certo do treino, pode-se potencializar os resultados e acelerar o processo até alcançar o objetivo.

Aeróbico antes da musculação

Fazer uma corrida ou pedalar antes de um treino com peso é indicado para aqueles que tem como prioridade aumentar a resistência. Começar um exercício aeróbico com o corpo descansado permite que você desempenhe essa atividade por mais tempo, afinal terá mais fôlego e energia.

Por outro lado, é comum que você se sinta mais cansado no momento de realizar a musculação quando se opta começar por um exercício cardiorrespiratório, nesses casos o nutrólogo aconselha usar a musculação como um complemento, fazendo um treino mais leve e diminuindo a carga de alguns exercícios em caso de fadiga para evitar qualquer tipo de lesão.

Aeróbico intercalado com a musculação

Essa é uma ótima alternativa para quem tem como objetivo perder gordura e acelerar o processo de emagrecimento. O aeróbico intercalado com a musculação é quando você realiza 2 ou 3 séries de exercícios com peso e em seguida faz um HIIT — estímulo aeróbico de alta intensidade e curta duração. Após o HIIT pode descansar por 1 ou 2 minutos e o ciclo se repete novamente. O nútrólogo Thiago Volpi explica que esse tipo de treino auxilia no emagrecimento por elevar a sua frequência cardíaca pela maior parte do treino e consequentemente acelera o seu metabolismo também, proporcionando um gasto calórico mais significativo.

Aeróbico após a musculação

Começar pela musculação é a melhor opção para aqueles que procuram aumentar a massa magra e ganhar força. Começar pelo treino com peso permite que você consiga realizar o exercício com cargas mais pesadas utilizando toda sua força em potencial. Utilizar o seu pico de energia na musculação é ideal para quem quer ter um gasto energético e trabalhar a musculatura ao mesmo tempo, tonificando os músculos e ganhando mais massa magra, o que resulta em menos gordura.

Nesse caso, o aeróbico entra na rotina de exercícios apenas como um complemento para gastar mais calorias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.