Segurança

3º BPM registra duas situações de estelionato na região

As pessoas devem tomar muito cuidado ao efetuar compras através de sites na internet para não serem vítimas de golpes. O 3º Batalhão da Polícia Militar (3º BPM) de Pato Branco registrou, segunda-feira (15), dois casos de estelionato em que foram vítimas pessoas da região.

Uma mulher, de 32 anos, foi até o Destacamento da Polícia Militar de Saudade do Iguaçu, onde relatou que, após efetuar uma compra no valor de R$1.800.00 em um site, teve a transação cancelada e o valor estornado em sua conta bancária. Ela realizou mais duas compras pelo mesmo site, uma no valor de R$1.000,00 e outra de R$800,00, mas ao efetuar o pagamento recebeu uma mensagem do vendedor solicitando um código que deveria ser repassado para o envio da encomenda. Após enviar o código, a mulher teve a senha do seu e-mail de acesso à conta no site alterada e começaram a surgir diversas compras em seu nome, sendo que algumas delas a vítima conseguiu devolver, porém, ainda restava uma no valor de R$ 430,00.

A outra situação ocorreu em São Jorge D’Oeste. Um rapaz, de 21 anos, informou a Polícia Militar que ao tentar realizar um empréstimo de R$ 7.000,00, foi orientado pelo golpista a realizar um depósito de R$250,00 em uma conta bancária para a liberação do valor. Após alguns dias, ele solicitado outro depósito de R$290,00, e posteriormente mais um de R$ 200,00.

De acordo com a vítima, todos os depósitos foram realizados, mas não recebeu o valor do empréstimo. Além disso, o golpista não responde mais as mensagens via WhatsApp.

A Polícia Militar alerta a população para que não realize transações financeiras sem antes verificar a veracidade dos fatos, a reputação do site ou da instituição financeira, pois golpistas estão aproveitando-se da situação, principalmente nesta época de pandemia, para obter dinheiro fácil das pessoas.  Não seja a próxima vítima! Em caso de suspeita, denuncie via telefones 190, 181 ou aplicativo 190 disponível na Play Store.  Os registros de boletins de ocorrências de estelionato também podem ser feitos via página: https://www.policiacivil.pr.gov.br/BO.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima