Padre Judinei Vanzeto

O conceito VUCA surgiu no vocabulário militar americano na década de 90 para traduzir os cenários instáveis e complexo nos campos de guerra. Apesar do termo ter surgindo no mundo militar ele está sendo utilizado em diferentes meios do mundo dos negócios.

A sigla VUCA traduzida para a língua português significa mundo volátil (volatile), incerto (uncertain), complexo (complex) e ambíguo (ambiguous). Conceito este que traduz exatamente a nossa sociedade contemporânea devido a interconexão, interdependência e a famosa globalização.

O mundo volátil, em poucas palavras, consiste nas coisas estarem mudando o tempo todo. O que antes levava anos para mudar, hoje muda instantaneamente e numa velocidade sem tamanho que ainda não sabemos os seus impactos sociais. O mundo parece escorrer pelas nossas mãos; uma modernidade líquida, como escreveu o sociólogo polonês Zygmunt Bauman (1925-2017).

O mundo incerto, por sua vez, são as dificuldades que encontramos para enxergar para onde vamos parar com tudo isso. Pois não sabemos o que vai acontecer amanhã. Embora que o filósofo David Hume (1711-1776) escreveu no século XVIII, que “O Sol não nascerá amanhã”, não é menos absurdo, do ponto de vista lógico, do que dizer “O Sol nascerá amanhã”. Até pouco tempo atrás fazer previsão de um negócio era muito mais fácil que hoje.

Já o mundo complexo diz respeito a interconexão e interligação das coisas. E ao mesmo tempo houve uma interdependência. Uma folha que cai de uma árvore terá suas consequências em algum lugar do planeta Terra. O que torna difícil também de explicar o mundo de forma linear.

E o mundo ambíguo corresponde as inúmeras interpretações para a mesma coisa. Existe uma diversidade e não mais uma objetividade única de compreender e acolher algo. Há uma relatividade da verdade. Isso torna muito difícil uma tomada de decisão para toda vida. Uma dicotomia.

E o mundo BANI? O BANI remete a quatro palavras da língua inglesa. A primeira delas é a palavra frágil (brittle). Um exemplo prático foi a pandemia do novo coronavírus, apesar de todo o conhecimento humano, colapsou o sistema de saúde, paralisou o planeta. Outro exemplo é a sociedade depender das redes de energia elétrica, pois se houver um apagão, tudo para.

Ansioso (anxious) diz respeito a ansiedade das pessoas em todo tempo estar esperando uma nova postagem, uma notícia, alguma novidade. O que deixa as pessoas num estado de tensão constante.

No não-linear (not linear) são as mudanças das curvas das coisas. Tempos antigos tudo era linear, continuo, hoje o que era de um jeito na semana passado é de outro nessa semana.

E no incompreensível (incomprehensible) diz respeito a quantidade de mudanças que acontecem ao mesmo tempo que o ser humana não fica nem sabendo. São tantas coisas postadas nas mídias ao mesmo tempo que nem conseguimos saber de tudo.

Diante desses dois mundos VUCA e BANI, podemos perguntar: como se sente o ser humano? Tendo presente que o processo de desenvolvimento humano, necessariamente, precisa de um tempo para vivenciar cada fase? Além disso, as grandes transformações estão causando muita pressão nas pessoas. Será que a humanidade vai explodir?

Padre, jornalista, diretor administrativo da Rádio Vicente Pallotti, gestor da Unilasalle/Fapas Polo Coronel Vivida e pároco da Paróquia São Roque de Coronel Vivida-PR