Boletins Covid-19

Com 175% de ocupação nos leitos de UTIs, Pato Branco registra quatro óbitos por covid neste sábado

Os leitos para adultos das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para o tratamento de pacientes com covid-19 em Pato Branco seguem acima de 100% de ocupação. É dentro deste cenário, e também com o registro de quatro óbitos pela doença neste sábado (12), Dia dos Namorados, que passa a valer o decreto municipal que flexibiliza o horário de atendimento dos estabelecimentos comerciais, clínicas e academias.

Quatro homens perderam a batalha contra a covid, com idades de 35, 69, 86 e 95 anos.

Ainda, há 36 novos casos da doença, dos 68 exames liberados nas últimas 24 horas. Ou seja, 53% dos resultados foram positivos. Desses, trata-se de uma criança, um adolescente, 30 adultos e quatro idosos.

Pato Branco registra 10.580 casos de covid, sendo 10.049 recuperados, 309 casos ativos e 222 óbitos. 23.497 suspeitas já foram descartadas e outras 1.465 aguardam resultado do exame.

Em relação à ocupação de leitos, há 14 pacientes adultos internados em UTI, sendo que a cidade possui oito leitos (175%); enquanto 41 pacientes estão hospitalizados em enfermaria, com o município disponibilizando 25 leitos deste tipo exclusivos para o tratamento de covid (164%).

Os quatro leitos infantis, dois em UTI e dois em enfermaria, estão disponíveis.

Alteração no calendário de vacinação

A Prefeitura Municipal informou que, para dar celeridade à aplicação de vacina contra a covid-19 no grupo de profissionais de educação a nível superior, a Secretaria de Saúde adiantou para segunda (14) e terça-feira (15) as doses que seriam aplicadas até a quarta-feira (16).

A vacinação segue mantida em modelo drive thru, no Parque de Exposições.

Na segunda-feira serão vacinados profissionais da Educação de nível Superior com 30 anos ou mais, das 17h às 18h30. Na terça (15) será a vez dos profissionais da Educação de nível Superior de 18 a 29 anos, também das 17h às 18h30. Para a quarta-feira (16), a vacinação foi cancelada.

Para receber a dose é necessário apresentar RG, CPF, documento que comprove a vinculação ativa do profissional com o local de trabalho (holerite) e apresentação de declaração emitida pela instituição (preenchida com todos os dados de identificação do trabalhador a ser vacinado, além da assinatura e carimbo do responsável pela instituição).

Lembrando que a vacina é contraindicada para menores de 18 anos; pessoas com histórico de reação anafilática anterior a qualquer um dos componentes da vacina. Pacientes com histórico de trombose não devem realizar a vacina do Laboratório Fiocruz/AstraZeneca.

É preciso priorizar intervalo de 14 dias entre outras vacinas.

Pacientes com histórico de covid deverão aguardar 30 dias (após diagnóstico) para a vacinação e pacientes em acompanhamento com reumatologista (em uso de drogas imunossupressoras), pacientes oncológicos e transplantados somente serão vacinados mediante apresentação de declaração médica.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Para cima