Botafogo começa sua terceira passagem pela Série B contra campeão da Série C

Rebaixado na lanterna do Campeonato Brasileiro na atípica temporada de 2020, o Botafogo-RJ começará sua terceira passagem pela Série B – esteve em 2003 e 2015 – contra o Vila Nova, respaldado pelo título da Série C. O duelo de estreia será nesta sexta-feira, às 21h30, no OBA, em Goiânia (GO).

O clube carioca ainda tenta se encontrar nas mãos de Marcelo Chamusca. No Cariocão foi vice-campeão da Taça Rio, enquanto o Vila Nova perdeu o título goiano para o Grêmio Anápolis.

O Botafogo deverá estrear com o mesmo time que terminou o Cariocão, mas ainda assim, Chamusca terá novidades. Os reforços Daniel Borges, lateral vindo do Mirassol, e o atacante Chay ficarão como opções. “Quero fazer ainda mais gols e ajudar a equipe. Não atrapalha, só acrescenta para chegar e ajudar a equipe”, disse o atacante Chay, contratado junto à Portuguesa-RJ, onde fez cinco gols em 13 jogos.

Se o atacante e o lateral estão confirmados, Matheus Nascimento, também atacante, não seguirá nos profissionais. Ele desceu para o sub-20. Os goleiros Diego Cavalieri e Gatito, além do lateral-direito Jonathan e do volante Kayque seguem no departamento médico.

No Vila Nova, o técnico Wagner Lopes viu o time ser reformulado após o Estadual. O zagueiro Nilson Júnior, o lateral-direito Celsinho e o atacante Alan Mineiro, ídolo da torcida, foram dispensados. Os zagueiros Renato e Rafael Lima, o lateral-direito Danilo Belão e o atacante Johnatan Cardoso, por outro lado, foram contratados.

“Saindo um jogador da importância dele (Alan Mineiro), vamos buscar repor dentro das nossas condições. A questão orçamentária do clube é evidente, não estamos aqui para vender sonhos para ninguém. É uma situação muito delicada”, disse Hugo Jorge Bravo, presidente do Vila Nova.