Mundo

UE apresenta proposta para fomentar e regular uso de inteligência artificial

Vice-presidente executiva da União Europeia (UE), Margrethe Vestager discursou nesta quarta-feira, durante entrevista coletiva do bloco sobre o fomento a uma abordagem europeia para a inteligência artificial. A UE afirma estar adotando o primeiro marco legal sobre o tema.

Margrethe Vestager disse que o marco é parte de um plano coordenado com os Estados da UE e também inclui questões regulatórias. A intenção é tornar a Europa uma líder no desenvolvimento de inteligência artificial “segura, confiável e centrada nos humanos”, bem como regular o uso dessa tecnologia.

A União Europeia pretende adotar uma abordagem “proporcional e baseada em riscos”, com uma “lógica simples: quanto maior o risco que uma inteligência artificial possa causar em nossas vidas, mais estritas as regras”, segundo a autoridade.

Para cima