Cidades do Paraná aparecem novamente em ranking global de comunidades inteligentes

Três cidades paranaenses mantêm posição de destaque na lista das 21 comunidades mais inteligentes do mundo, segundo a Smart21 Communities. Curitiba, Ponta Grossa (Campos Gerais) e Assaí (Norte) representam a América do Sul nesta seleção, repetindo a presença do ano anterior. O anúncio foi feito durante a conclusão da conferência sobre Cidades Inteligentes e Comunidades Inteligentes em Taipei, Taiwan, nesta quarta-feira (20).

-- 2 Notícia --

A Smart21 baseia sua escolha em critérios quantitativos e qualitativos relacionados a seis fatores. Uma dessas cidades selecionadas sucederá Binh Duong, no Vietnã, como a Comunidade Inteligente de 2023, com o anúncio previsto para novembro.

De acordo com o International Community Forum (ICF), as cidades escolhidas demonstraram aplicação dos princípios propostos pelo fórum, com foco em governança para promover prosperidade econômica inclusiva, saúde social e riqueza cultural, fortalecendo assim a comunidade de forma resiliente.

-- 3 Notícia --

“A diversidade geográfica da lista deste ano é uma das maiores que já vimos, incluindo a primeira comunidade da Turquia. Também observamos um aumento na representação dos EUA e o retorno das comunidades de Taiwan”, comentou Louis Zacharilla, cofundador da ICF.

O governador destacou o papel inovador do Paraná no Smart City 2024. Além disso, enfatizou que o estado está investindo em iniciativas para impulsionar a inovação, como apoio a startups, universidades e desenvolvimento urbano.

-- 4 Notícia --

O secretário de Inovação, Modernização e Transformação Digital, Marcelo Rangel destacou que Ponta Grossa, por exemplo, está dentro da programação de investimentos da pasta para a nova rede de Agências Regionais de Inovação. O Estado vai investir R$ 15 milhões para estruturar esses coworkings públicos em Maringá, Cascavel, Guarapuava, Umuarama, Ponta Grossa, Pato Branco, Foz do Iguaçu, Jacarezinho, Londrina e Paranaguá.

Ponta Grossa, por exemplo, está incluída nos planos de investimento para a nova rede de Agências Regionais de Inovação, enquanto Curitiba já conta com o Vale do Pinhão. Assaí, por sua vez, inaugurou no ano anterior a Agência de Inovação do Vale do Sol, com apoio do Governo Estadual, um espaço reconhecido pelo Sistema Estadual de Parques Tecnológicos do Paraná (Separtec).

-- 5 Notícia --
você pode gostar também

Comentários estão fechados.