Francisco Beltrão vence três prêmios estaduais por trabalho com microcrédito

Além do primeiro lugar geral neste ano, Município também teve o melhor desempenho entre cidades com até 100 mil habitantes, em 2020 e 2021

Os vencedores do Prêmio Estadual de Microcrédito Fomento Paraná e Sebrae 2021 foram conhecidos nesta quarta-feira (24), durante o Encontro Estadual de Agentes de Crédito, em Foz do Iguaçu, no oeste do Estado. Francisco Beltrão foi o primeiro lugar geral na edição deste ano, além de vencer na categoria de municípios entre 50 mil e 100 mil habitantes, à frente de Cianorte e Marechal Cândido Rondon. No dia 23, os beltronenses receberam a premiação referente à 2020, como vencedores da categoria entre 50 mil e 100 mil habitantes. Em função da pandemia, a premiação acabou adiada.

Da Regional Sul do Sebrae/PR também foram premiados: os municípios de General Carneiro (terceiro lugar entre municípios de 10 mil a 20 mil habitantes), pelo desempenho em 2021; e Bituruna  (terceiro lugar entre municípios de 10 mil a 20 mil habitantes), pelo volume alcançado em 2020.

Os prêmios foram entregues pelo diretor-presidente da Fomento Paraná, Heraldo Neves, e pelo diretor-superintendente do Sebrae/PR, Vitor Tioqueta, aos agentes de crédito do Banco do Empreendedor de Francisco Beltrão, Luciana Dani, ltacir Rovaris e Evandro Wessler.

Neste ano, em Francisco Beltrão, o Banco do Empreendedor liberou R$ 4.281.859,75 para microcrédito em 2021, em mais de 400 projetos que incluem microempreendedores individuais (MEI) e micro e pequenas empresas.

Liliana Paula Nogueira de Andrade, secretária de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico de Francisco Beltrão, relata que o Município investiu em um novo espaço para abrigar o Banco do Empreendedor, no começo de 2021, e ressalta o programa Juro Zero, iniciativa do Legislativo municipal que teve adesão da Prefeitura, com crédito até R$ 30 mil.

“Em parceria com a Fomento Paraná e a cooperativa Cresol, tivemos 48 projetos aprovados neste ano e há outros em análise. Nossa preocupação, desde o início da pandemia, foi dar condições para que as empresas não fechassem”, frisa Liliana.

Além de promover alternativas para acesso ao crédito, o Banco do Empreendedor também procurou renegociar contratos com empresas em dificuldade.

“Nosso índice de inadimplência é o mais baixo do Estado. Mais de cem contratos foram renegociados, somando cerca de R$ 1,1 milhão”, completa Liliana.

Cesar Giovani Colini, gerente da Regional Sul do Sebrae/PR, salienta que a instituição apoia os agentes de microcrédito há mais de 20 anos. 

“Com o tempo, foi montada uma força de trabalho, voltada ao crédito orientado, que se mostrou extremamente importante para o desenvolvimento e o avanço dos pequenos negócios na região. Francisco Beltrão entendeu bem esse propósito e vem investindo nesta estratégia como forma de apoiar os pequenos negócios. Os agentes de crédito do município têm sido reconhecidos na região e no Paraná pelo excelente desempenho, que se reflete na geração de emprego e renda”, pondera Colini.

Encontro em Foz
O Encontro Estadual de Agentes de Crédito, promovido pelo Sebrae/PR e a Fomento Paraná, foi realizado nos dias 23 e 24 de novembro, em Foz do Iguaçu e reuniu mais de 250 agentes de crédito que atuam na intermediação de operações de microcrédito em 283 prefeituras, salas do empreendedor e agências do trabalhador.

O Prêmio Estadual de Microcrédito é definido a partir da pontuação alcançada pelos agentes de crédito em uma série de requisitos, como contratação de novas operações, renegociações de contratos no relacionamento com a Fomento Paraná. As categorias são divididas por faixas de população e os troféus entregues para os municípios que se destacam em primeiro, segundo e terceiro lugares.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *